O universo explicado às crianças por um Astrogato

Janeiro 12, 2016 às 8:00 pm | Publicado em Livros | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , ,

texto do Observador de 5 de janeiro de 2016.

Ben newman

Da origem das estrelas ao funcionamento dos foguetões, um novo livro troca por miúdos uma questão tão complexa como o universo. Não estranhe se os seus filhos quiserem ser astronautas depois de o ler.

A lengalenga ficou dos tempos da escola: Mercúrio, Vénus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Úrano, Neptuno (e Plutão). Mesmo com a despromoção de planetas a quebrar o ritmo, a mnemónica para estudar o sistema solar manteve-se eficaz. O problema é o resto: o nome das constelações, a data do Big Bang, o tamanho da lua ou os tipos de estrelas que existem. Falar do universo — sobretudo para quem tem filhos e tem de lidar com perguntas como “para onde vai o sol à noite?” enquanto se tenta lembrar dos episódios da série Era uma vez o Espaço — pode ser complicado. A não ser que um felino astronauta apareça para ajudar.

capa-astrogato

O Professor Astrogato nas Fronteiras do Espaço é esse felino, e é também o título do mais recente livro da coleção Orfeu Mini, uma obra que aterrou nas livrarias pouco antes do Natal para garantir que nem só as guerras merecem que se olhe para as estrelas. Escrito por Dominic Walliman, um programador doutorado em Física Quântica que vive no Canadá, o livro apresenta aos mais novos um tema tão complexo como o universo recorrendo não só às ilustrações retro de Ben Newman — desenhos coloridos que chegam a animar os astros e garantem mais vivacidade do que a das velhinhas enciclopédias de Meio Físico — mas também a capítulos curtos, textos acessíveis e muitas comparações.

Ben Newman2

Se a Terra fosse um tomate-cereja, de que tamanho seriam os outros planetas é apenas uma das perguntas que dá origem a uma dessas analogias e apenas um dos mecanismos usados para simplificar o assunto. Em temas que vão da formação do universo aos planetas que constituem o sistema solar, passando pelos asteroides e cometas, o funcionamento dos foguetões e dos satélites ou uma pequena história das viagens espaciais, há uma dupla página só com factos curiosos sobre a lua (“o nosso vizinho mais próximo no espaço”) e pequenas caixas intituladas “sabias que…” a destacar factos impressionantes como o da luz solar — “a que sentimos agora mesmo na Terra demorou 30 mil anos a chegar aqui desde o centro do sol”.

ben Newman3

No meio da lição dada pelo professor Astrogato e os seus companheiros espaciais, o livro assume alguns mistérios da astronomia tais como o que terá despoletado o Big Bang há 13,7 milhões de anos ou a existência de vida desconhecida na nossa galáxia. No final, há espaço para resumir o espaço através de um glossário que reúne definições como “buraco negro supermaciço”, “espectro eletromagnético” ou “nébula”. Tudo palavras capazes de deixarem os miúdos a sonhar com um fato de astronauta ou a sonharem — helás! — com um telescópio em vez de uma Playstation.

ben newman4

Nome: O Professor Astrogato nas Fronteiras do Espaço

Autor: Dr. Dominic Walliman

Ilustrações: Ben Newman

Editora: Orfeu Negro

Preço: 21€

 

Aluno de 15 anos da universidade de Staffordshire descobre novo planeta

Junho 17, 2015 às 9:00 am | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

Notícia da Visão de 13 de junho de 2015.

Nasa

Tom Wagg é um adolescente inglês que descobriu um novo planeta a orbitar uma estrela a mil anos-luz da nossa galáxia

Por: Cristiana Carreto Pereira

Astrónomos do mundo inteiro já encontraram milhares de planetas, mas Tom é, possivelmente, o mais jovem a fazer tal descoberta.

Com apenas 15 anos, Tom fez a descoberta enquanto participava numa atividade da universidade de Keele.

O jovem encontrou o planeta, ao examinar os dados recolhidos pelo projeto WASP (Wide AreaSearch for Planets), que estuda os céus noturnos e milhões de estrelas e galáxias. “Estou extremamente emocionado por ter descoberto um novo planeta e estou muito impressionado por conseguir observá-lo de tão longe”, afirma Tom que, atualmente tem 17 anos e estuda na universidade de Staffordshire.

Após dois anos de observação, foi possível provar-se a veracidade desta descoberta. Ao planeta que Tom Wagg descobriu foi dado o número de catálogo WASP-142b, por ter sido a descoberta número 142 deste projeto.

O astro encontra-se na constelação meridional de Hidra, tem aproximadamente o mesmo tamanho de Júpiter e orbita a sua estrela em apenas dois dias.

mais informações na notícia:

Schoolboy on work experience discovers planet

 

Astronomia na Pedra do Sal (São Pedro do Estoril) – Oficinas com Observação do Sol

Agosto 6, 2014 às 12:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

sol

 07-08-2014,  14-08-2014,  20-08-2014,  28-08-2014

10h00-12h00

CIAPS – CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL DA PEDRA DO SAL

Gratuito Atividades didáticas e observação do Sol com telescópios apropriados. As oficinas serão adequadas à idade dos participantes, sendo alguns exemplos a construção de relógios de sol, planisférios e espectroscópios.

Organização: CMC Informações: geral@nuclio.pt | 960 356 909

Bilhões de mundos para descobrir – Vídeo sobre Astronomia

Julho 23, 2014 às 6:00 am | Publicado em Vídeos | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

mais informações na notícia do site http://www.swissinfo.ch de 10 de julho de 2014 O planeta que não devia existir

Histórias de Estrelas e Planetas! Sessão dirigida ao público mais jovem e famílias

Janeiro 2, 2014 às 3:48 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

planetario

Histórias de Estrelas e Planetas!
O que terá levado o Homem a sentir a necessidade de conhecer o céu? A sessão incide no tema das constelações e de alguns mitos que lhe deram origem. Faremos a descrição de corpos celestes visíveis a olho nu, no céu de Portugal. Falaremos do Sol, da Lua e dos planetas do Sistema Solar. Onde acabará o Sistema Solar?…

Lotação da Sala: 38 pessoas, a marcação prévia é obrigatória.
Sessão dirigida ao público mais jovem e famílias.

Entrada: 3 € / participante.

Acesso ao Planetário: pelo Átrio do Museu, última entrada, ao toque do sino, às 16.30.

Informações e Marcações
Átrio do Museu Nacional de História Natural e da Ciência
Rua da Escola Politécnica, nº 56 – 58, 1250-102 Lisboa
Telefone: 21 392 18 08
Endereço Eletrónico: geral@museus.ul.pt

mais informações:

http://www.mnhnc.ul.pt/portal/page?_pageid=418,1491093&_dad=portal&_schema=PORTAL


Entries e comentários feeds.