Escola de Coruche é um “exemplo de integração” dos alunos ciganos

Abril 14, 2018 às 1:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

Notícia do https://www.publico.pt/ de 9 de abril de 2018.

Número de alunos ciganos nas escolas duplicou nos últimos 19 anos, realçou nesta segunda-feira o ministro da Educação.

“Pela primeira vez, desde os anos 90, o Ministério da Educação teve a preocupação de entender como estamos relativamente às comunidades ciganas e à sua escolarização”, sublinhou nesta segunda-feira o ministro da Educação, no final de uma visita à Escola Básica de Coruche, que considerou um “exemplo de integração”.

O Ministério da Educação divulgou nesta segunda-feira o estudo O perfil escolar da comunidade cigana – antecipado já pelo PÚBLICO – que caracteriza estes alunos matriculados no ano lectivo 2016/2017 em escolas públicas.

O número de alunos ciganos nas escolas duplicou nos últimos 19 anos, disse o ministro da Educação, destacando o aumento significativo da participação das crianças ciganas no pré-escolar, “fundamental para percursos de sucesso escolar”.

Relativamente aos últimos números conhecidos, “é importante ver que temos o dobro de estudantes” ciganos, salientou Tiago Brandão Rodrigues, que foi recebido na escola com danças e cantares ciganos protagonizados por alunos da escola.

“Por outro lado, e de forma significativa, vemos que o pré-escolar, que é absolutamente fundamental para percursos de sucesso escolar, tem cada vez mais alunos das comunidades ciganas”, realçou.

Também se assistiu a um aumento no número de estudantes no terceiro ciclo e no secundário: “Ainda sendo preocupante, porque sabemos que existe um conjunto de estudantes que não faz todo o percurso da escolaridade obrigatória, temos um número significativo de estudantes a fazê-lo e em paridade entre rapazes e raparigas”.

“Abandono escolar não é uma inevitabilidade”

Isto significa que o abandono escolar das raparigas das comunidades ciganas “não é uma inevitabilidade”, frisou.

Presente na visita, a secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade congratulou-se com estes dados, mas disse que ainda “há muito a fazer na melhoria da condução das raparigas e das mulheres nas comunidades ciganas”.

Para isso, a Estratégia Nacional para a Igualdade e Não Discriminação tem “medidas concretas para intervir sobre esta realidade das raparigas e mulheres ciganas no domínio da educação”, para “as capacitar, apoiando diversos projectos de empoderamento e capacitação das raparigas e mulheres ciganas”, disse Rosa Lopes Monteiro.

Para o ministro, a Escola Básica de Coruche é um exemplo de integração para o qual contribuiu o “projecto fantástico” as “salas de vidro”, onde a comunidade cigana vai cada vez mais à escola e a escola “vai às comunidades ciganas” fazer um “trabalho sério, pedagógico” e de integração no pré-escolar, mas não só.

Também faz um trabalho de articulação nos outros níveis de ensino para “combater o insucesso e acima de tudo promover o sucesso escolar das crianças ciganas a aumentar o nível de equidade”.

“Muita retenção” nestas comunidades

“Quando comparamos o insucesso escolar que existe nas comunidades ciganas” com outras comunidades com o mesmo nível socioeconómico, “entendemos que não existe de todo um número mais preocupante nas comunidades ciganas”, salientou.

Considerando preocupante o facto de ainda existir “muita retenção” nestas comunidades, o ministro disse que é necessário um trabalho conjunto para a combater e “compensar, quando é necessário, com a acção escolar e com outros mecanismo de integração e de inclusão na escola”.

Durante a visita, integrada nas comemorações do Dia Internacional das Comunidades Ciganas, Tiago Brandão Rodrigues, falou com os alunos das várias salas de aulas e pintou com eles um desenho que lhes pediu para colocar no seu gabinete do Ministério da Educação.

No final da visita, disse que esta escola, com 300 alunos, 50 dos quais da comunidade cigana, é um exemplo onde “a integração e a inclusão acontece em em plenitude e onde as comunidades ciganas estão completamente integradas”.

Representa um “esforço da autarquia, do Ministério da Educação e da comunidade, para que a comunidade cigana faça comunidade com a escola”.

 

Do campo de refugiados para a sala de aulas – reportagem do Euronews

Julho 11, 2017 às 6:00 am | Publicado em Vídeos | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

Notícia do http://pt.euronews.com/ de 27 de junho de 2017.

Segundo a UNICEF, há cerca de 20 mil crianças refugiadas na Grécia. Algumas vivem com as famílias nas cidades, outras em centros de acolhimento.
Perto de 2500 destas iniciaram um percurso escolar. Os alunos vêm de 32 campos de refugiados e foram integrados em 93 escolas da Grécia continental, graças a um projeto apoiado pelo gabinete de Ajuda Humanitária da União Europeia e implementado pela Organização Internacional para as Migrações (OIM).

Estima-se que a iniciativa abranja perto de 80% das crianças que se encontram nos centros de acolhimento na parte continental do país. Mas tendo em conta a mobilidade desta população, é difícil avançar com números precisos e identificar atempadamente alguns casos problemáticos.

Alguns dos professores salientam que muitas destas crianças nunca foram à escola nos seus próprios países, não tendo adquirido conhecimentos básicos, nem normas de conduta social. A diretora da escola primária de Avlona, Efi Kremou, aponta que os alunos refugiados enfrentam os mesmos obstáculos que outros alunos estrangeiros que chegam à Grécia.

Depois das férias de verão, o Ministério da Educação grego pretende disseminar as aulas conjuntas com estudantes gregos e alunos refugiados.

 

Together in the EU – Promoting the participation of migrants and their descendants – novo relatório da FRA – European Union Agency for Fundamental Rights

Abril 13, 2017 às 6:00 am | Publicado em Relatório | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

descarregar o relatório no link:

http://fra.europa.eu/en/publication/2017/migrant-participation

relatório Portugal:

http://fra.europa.eu/sites/default/files/fra_uploads/social-inclusion-and-migrant-participation-society_pt.pdf

 

 

 

Two boys from Syria and Germany break down barriers with friendship – vídeo da UNICEF

Maio 19, 2016 às 9:00 am | Publicado em Vídeos | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , ,

Doutoramento Honoris Causa de Sérgio Niza

Abril 20, 2015 às 10:46 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , ,

A Universidade de Lisboa irá atribuir o título de Doutor Honoris Causa a Sérgio Niza, sócio fundador do Instituto de Apoio à Criança, no dia 23 de abril de 2015 na Aula Magna da Universidade de Lisboa pelas 18.oo h.

mais informações sobre Sérgio Niza e a cerimónia no link:

http://www.ie.ulisboa.pt/portal/page?_pageid=406%2C1864965&_dad=portal&_schema=PORTAL

niza

 

 

 

La Cour de Babel – Documentário sobre juventude e integração na Festa do Cinema Françês

Outubro 15, 2014 às 6:00 am | Publicado em Divulgação, Vídeos | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

mais informações aqui

Sinopse

São irlandeses, sérvios, brasileiros, tunisinos, chineses ou senegaleses e acabam de chegar a França….Durante um ano, Julie Bertucelli filmou os intercâmbios, os conflitos e as alegrias deste grupo de alunos com idades entre os 11 e 15 anos, todos reunidos numa mesma sala de aula para aprender francês. Neste pequeno teatro do mundo exprime-se a inocência, a energia e as contradições destes adolescentes que, animados pela mesma vontade de mudar de vida, põem em causa muitas das ideias “feitas” sobre a juventude e a integração fazendo-nos acreditar no futuro….

LISBOA › QUINTA 02 OUTUBRO › 21h00 CINEMA SÃO JORGE – Sala 1
LISBOA › SEGUNDA 06 OUTUBRO › 10h30 CINEMA SÃO JORGE – Sala 3 (sessão escolar)
LISBOA › QUARTA 08 OUTUBRO › 21h30 INSTITUT FRANÇAIS DU PORTUGAL
LISBOA › SEXTA 10 OUTUBRO › 10h30 CINEMA SÃO JORGE – Sala 3 (sessão escolar)
LISBOA › DOMINGO 12 OUTUBRO › 17h00 CINEMA SÃO JORGE – Sala 1
LISBOA › QUARTA 15 OUTUBRO › 21h30 INSTITUT FRANÇAIS DU PORTUGAL
COIMBRA › TERÇA 07 OUTUBRO › 23H00 TEATRO ACADÉMICO DE GIL VICENTE
COIMBRA › QUARTA 08 OUTUBRO › 10h30 TEATRO ACADÉMICO DE GIL VICENTE (sessão escolar)
Porto › QUINTA 16 OUTUBRO › 18h30 CASA DAS ARTES
Portimão › SEXTA 10 OUTUBRO › 10h00 Teatro Municipal de Portimão (sessão escolar)
Faro › QUARTA 22 OUTUBRO › 22h00 Teatro Municipal de Faro
GUIMARÃES › SEGUNDA 03 NOVEMBRO › 21h45 Centro Cultural Vila Flor
ALMADA › QUARTA 12 NOVEMBRO › 21h30 Auditório Fernando Lopes Graça
ALMADA › DOMINGO 16 NOVEMBRO › 16h00 Auditório Fernando Lopes Graça
setúbal › SEXTA 14 NOVEMBRO › 21h30 Cinema Charlot – Auditório Municipal
BRAGA › QUINTA 30 OUTUBRO › 21h30 Theatro Circo, Sala Principal

 

Educação e Imigração: A Integração dos Alunos Imigrantes nas Escolas do Ensino Básico do Centro Histórico de Lisboa – publicação online

Agosto 16, 2014 às 1:00 pm | Publicado em Estudos sobre a Criança | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , , , ,

edu

descarregar a publicação aqui

Neste estudo pretendemos conhecer a dimensão dos alunos imigrantes nas escolas da Área Metropolitana de Lisboa e analisar os processos de inserção em Portugal, partindo de um estudo de caso realizado em três agrupamentos de escolas localizados no centro da cidade. (…)

(…) Por conseguinte, pretende-se que este trabalho contribua para o conhecimento de uma realidade cada vez mais presente nas nossas escolas, permitindo inventariar os principais problemas que se colocam à sua inclusão na sociedade portuguesa e apontar novos caminhos que promovam a igualdade de oportunidades, a tolerância e o respeito mútuo entre grupos com diferentes origens sociais e distintas filiações étnicas e religiosas.

Em Portugal, o número de alunos imigrantes a frequentar a escolaridade obrigatória tem vindo a crescer na última década. A par desse aumento, a diversificação das origens com a chegada de população do continente asiático (China, Índia, Paquistão, Bangladesh), do Brasil e da Europa de Leste tem ganho relevância, confrontando a escola com novos públicos e, certamente, com a necessidade de articular respostas eficazes de integração.

Parceria entre o IAC e o Projeto Europeu a SSN (School Safety Net)

Abril 28, 2014 às 12:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

ssn

O Instituto de Apoio à Criança estabeleceu uma parceria com SSN ( School Safety Net) no âmbito do trabalho desenvolvido pela Mediação Escolar, cujo objetivo é prevenir o abandono escolar precoce por intermédio de uma abordagem integrada que se baseia na exploração de boas práticas desenvolvidas em projetos anteriores sobre

a)Identificação atempada de alunos de risco;

b)Integração de alunos migrantes;

c) Apoio a alunos com dificuldades de aprendizagem;

d) Prevenção de Bullying nas escolas.

O papel do IAC será

 – Disseminar o projeto, dando a conhecer os recursos e instrumentos disponibilizados pelo SSN nas escolas onde intervém;

–  Participar na troca de experiências e saberes durante e depois do projeto;

– Promover a informação do projeto na rede de contactos do IAC;

– Contribuir para a exploração e sustentabilidade dos resultados do projeto.

O SSN ( School Safety Net) é um projeto europeu já implementado na Turquia, Bélgica, Grécia, Roménia, Espanha e Itália, estando representado em Portugal pelo Instituto Politécnico de Castelo Branco.

 DISSEMINATION REPORT

 

Se Eu Pudesse Mudar o Mundo – Vídeo sobre o Programa Escolhas

Novembro 15, 2011 às 6:00 am | Publicado em Vídeos | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , ,

Ver o vídeo Aqui

I Jornadas Sei! Odivelas…Ser Família

Maio 10, 2011 às 9:03 am | Publicado em Divulgação, O IAC na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , , , , , ,

As I Jornadas Sei! Odivelas realizam-se no dia 14 de Maio de 2011,entre as 9h00 e as 18h00, no Auditório dos Paços do Concelho, Quinta da Memória, em Odivelas e contam com a participação da Dra. Dulce Rocha, Presidente Executiva do Instituto de Apoio à Criança, que irá desenvolver o tema “Promoção e Protecção de Crianças e Jovens em Contexto Familiar e Escolar; Os Conflitos familiares e as suas Consequências”

O Projecto Sei! Odivelas insere-se no Projecto de Promoção do Sucesso Educativo e Integração.


Entries e comentários feeds.