Bolsas Sociais EPIS 2012

Agosto 12, 2012 às 1:30 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

O programa de bolsas sociais EPIS de 2012 alargou o seu âmbito e o investimento global a realizar, que passará de um valor de 7.200€ em 2011 para um valor 19.200€ em 2012 – este último valor inclui a continuação das bolsas de 2011. Em 2012, haverá 4 categorias de bolsas a atribuir, envolvendo processos de candidatura e critérios de seleção distintos:

Boas práticas organizativas de inclusão social em escolas com Ensino Secundário ou com cursos profissionais de nível de qualificação equivalente

Serão premiadas 6 escolas, cada uma com 2 bolsas de 400€, durante 3 anos, destinadas a apoiar alunos e famílias.

Boas práticas organizativas de inclusão social de jovens em abandono escolar através da Educação, Formação e Inserção Profissional, com o apoio da Deloitte e da Extrusal

Serão premiadas 3 escolas ou organizações sociais, cada uma com 2 bolsas de 400€, durante 3 anos, destinadas a apoiar alunos com histórico de abandono em cursos de nível 2 ou 3 do Quadro Nacional de Qualificações (QNQ) ou equivalentes.

Mérito de raparigas no Ensino Secundário, no Concelho do Porto, com o apoio da Sogrape

Serão premiadas 4 raparigas no 10.º ano de escolaridade em 2012/2013, de escolas do Concelho do Porto, com bolsas de 400€, durante 3 anos.

Bolsas para o ensino superior, com o apoio da Fundação Rocha dos Santos

Serão premiados 4 alunos que, prioritariamente, tenham sido acompanhados pela EPIS desde 2007 no programa “Novos Bons Alunos – Mediadores para o sucesso escolar”, que terminaram o 12.º ano de escolaridade com sucesso em 2011/2012 e que queiram iniciar estudos pós 12.º ano de escolaridade em 2012/2013, com bolsas de 800€, durante 3 anos.

Mais informações Aqui

CoimbraMat 2012

Janeiro 23, 2012 às 6:00 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

Notícia do Portal das Escolas

 

A Associação de Professores de Matemática promove o VI CoimbraMat, encontro regional de professores de Matemática, que acontece no dia 28 de Janeiro de 2012. O evento decorre entre as 9h00 e as 17h30, no Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra.

O programa do Encontro oferece duas sessões plenárias, oito sessões paralelas e um debate.
São vários os temas propostos, abordando a Matemática, em diversos contextos, nos Ensinos Básico, Secundário e Profissional.
Para mais informações, consultar a página da Associação de Professores de Matemática.

Concurso Participar para Mudar

Novembro 7, 2011 às 1:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

Notícia do site da DGIDC

O concurso Participar para mudar destina-se a todos os alunos que frequentam o ensino básico, secundário e profissional, desafiando-os a desenvolver projetos que promovam a participação na comunidade. Os critérios essenciais para a elegibilidade dos projetos consistem na abordagem às questões da Cidadania Europeia e no envolvimento da comunidade educativa e local.

Os projetos concorrentes devem ser elaborados por grupos com um máximo de 15 participantes, incluindo o seu responsável pedagógico, seja um professor ou um encarregado de educação. Podem inscrever-se vários grupos por estabelecimento de ensino.

Para mais informações acerca do concurso e da temática Cidadania Europeia consulte: www.participarparamudar.eu

Uma escola muito à frente

Julho 4, 2011 às 1:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , ,

Notícia da Visão de 10 de Junho de 2011.

João Dias Miguel (texto), Bruno Rascão (fotografia)

Ver Vídeo Aqui

A EBS Domingos Capela é a prova de que o ensino público está bem e recomenda-se. Servindo as populações mais pobres da já de si flagelada cidade de Espinho, está farta de ganhar prémios.

Um jornal premiado, feito pelos alunos, um jornal “clandestino”, publicado pelos professores, e até gabinete de imagem e comunicação. Saraus de época, com pais professores e alunos vestidos a rigor, para dar a conhecer “Os Maias”, “A Mensagem” ou o “Memorial do Convento”.  Um restaurante pedagógico (ver vídeo em cima) onde os alunos do curso de Mesa/Bar servem colegas e professores com o requinte de uma sopa fria de melão e presunto, um lombo com molho de maçã e uma tarte quente de limão. A Escola Básica e Secundária Domingos Capela, um estabelecimento de ensino nos arredores da cidade de Espinho, é a viva prova de que o ensino público está bem e recomenda-se, mesmo quando, como é o caso, serve das zonas pobres de uma cidade. Como está aliás patente no seu lema “uma escola para todos, a pensar em cada um”.

Metade dos alunos da escola, cerca de 300, que serve zonas menos favorecidas da cidade de espinho, optou pela via profissionalizante, seguindo cursos de eletricidade, jardinagem e assistente comercial, por exemplo. Um indicador das condições socioeconómicas adversas que Espinho atravessa – e que nas zonas rurais de Paramos (Aqui paramos, reza a lenda que diziam reis e cavaleiros quando ali passavam e dai a origem do toponímico) Silvade e no Bairro pescatório foram sempre mais a regra do que a exceção.  “Mas também uma vitória, já que muitos dos alunos iriam engrossar as estatísticas do abandono escolar, se não tivéssemos médias de alunos a seguir esta via muito superiores à nacional”, explica o professor António Barbosa. 

Todos os anos a Domingos Capela – em tempos mal afamada, o lugar dos miúdos “rufias”, mas foi para combater isso que os alunos criaram o Gabinete de Imagem e Comunicação – organiza um evento chamado “Rumos”, onde se dão a conhecer as potencialidades e saberes de alunos e professores e se tenta captar novos estudantes de outras zonas da cidade (Desde há alguns anos que o Ministério da Educação começou a permitir mais flexibilidade na escolha do estabelecimento por parte das famílias – e a fazer depender do maior ou menor número de escolhas parte do orçamento atribuído). Esta é, aliás, uma escola com iniciativa que consegue ir buscar verbas aos prémios que vai recebendo: foi por exemplo premiada pela fundação Ilídio Pinho, com um projeto  de escola ecológica, e ganhou por duas vezes o projeto “Público Na Escola”.

A outro nível, Europeu, o projeto “Beyond Music”, que pretende chegar às outras disciplinas através da música ficou no top tem do concurso e-twining – Parcerias Escolares na Europa. A sua anterior diretora, Adelina Pereira foi aliás distinguida com o prémio de Mérito de Liderança 2011, pelo Ministério da Educação. Mas também é uma escola como humor, em que os professores brincam uns com os outros no mensário Cantar À Capela, onde são atribuídos os Tonnes D’or – espécie de Óscares satíricos – e se contam todas as pequenas histórias que fazem o dia-a-dia do pessoal docente.

« Página anterior


Entries e comentários feeds.