IAC-Açores apresenta livro ‘Alerta Premika! Risco Online Detetado’

Julho 13, 2018 às 12:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , , ,

Notícia do Açores Magazine de 3 de junho de 2018.

mais informações sobre o livro no link:

http://alertapremika.blogspot.com/

 

 

O IAC-CEDI convida para a sessão de autógrafos do livro “Alerta Premika : Risco Online Detetado” 27 maio, Feira do Livro de Lisboa

Maio 25, 2018 às 7:00 pm | Publicado em CEDI, Livros | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , ,

mais informações:

http://alertapremika.blogspot.pt/

Lançamento do livro Alerta Premika em Braga, em 6 de Dezembro

Novembro 28, 2017 às 2:00 pm | Publicado em Livros, Publicações IAC-CEDI | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , , , ,

 

O livro infanto-juvenil “Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?” já está disponível para venda

Novembro 23, 2017 às 2:00 pm | Publicado em Livros | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

O livro infanto-juvenil “Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?”, o primeiro volume da coleção “Alerta Premika! Risco online detetado” foi lançado no dia 18 de novembro, na livraria Barata, Lisboa. Este livro foi editado pelo Centro deEstudos, Documentação e Informação sobre a Criança do Instituto de Apoio àCriança e pela editora Teodolito. A apresentação do livro esteve a cargo de Cristina Ponte, professora Associada com Agregação na Universidade Nova de Lisboa e coordenadora do projeto EU KidsOnline Portugal. A seguir ao lançamento foi dinamizada uma pequena tertúlia sobre “Crianças e internet, riscos e oportunidades”, pela Dra. Cristina Ponte.

Ler o resto da notícia no link:

http://alertapremika.blogspot.pt/2017/11/o-livro-infanto-juvenil-ameaca-nas.html

 

Lançamento do livro Alerta Premika! Risco Online Detetado – 18 de novembro na Livraria Barata em Lisboa

Novembro 7, 2017 às 1:00 pm | Publicado em CEDI, Divulgação, Livros | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , , , , , ,

Lançamento do livro “Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?”, o primeiro volume da coleção – Alerta Premika! Risco online detetado – um livro infanto-juvenil  do Instituto de Apoio à Criança, apresentado por Cristina Ponte, docente da Universidade Nova de Lisboa e coordenadora do projeto EU Kids Online Portugal.

18 de novembro (sábado) – 16h00 –  Livraria Barata, Lisboa

Junte-se a nós e venha conhecer a Marta, o Manel, o Tiago e a Premika, um ser meio robótico meio humano que tem super poderes e cuja missão, codificada no seu biochip, é: ajudar todas as crianças do mundo a lidar com a tristeza, a frustração, o medo e a solidão, tornando-as mais confiantes em si próprias.

Vamos conversar, também, sobre as “Crianças e a Internet, riscos e oportunidades”.

Contamos com a sua presença e participação!

 

Apresentação do livro “A Escola e os Cravos” de Luisa Lobão Moniz com ilustrações de Rita Moniz

Março 24, 2014 às 12:00 pm | Publicado em Livros | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , ,

164624_10152246169253150_592135047_n

Luísa Lobão Moniz é docente a exercer funções no IAC / SOS-Criança e é autora do livro Menino como eu.

Editora Teodolito oferece receita da venda do livro “Menino como Eu” ao IAC

Janeiro 29, 2013 às 1:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , , , ,

A professora Luísa Moniz, destacada no IAC, SOS Criança, é a autora do livro Menino como eu.

O livro foi ilustrado por Rita Moniz, designer e editado por Carlos Veiga Ferreira na Editora Teodolito.

O livro é um gesto de solidariedade com todas as crianças sofredoras, pois através da história os meninos ficam a conhecer um serviço, que é um direito da Criança – o Direito à informação e a ter voz na construção da sua vida.

Os adultos ficam também a conhecer o SOS Criança e o IAC e ficam com uma responsabilidade acrescida, o sinalizar as crianças maltratadas ou com problemas.

As escolas beneficiam também deste Menino como eu pois salas como a do Marinho há quase por toda a parte.

Foi feita uma sugestão de guião de leitura que tem sido apresentada aos professores de algumas escolas, nomeadamente da Escola EB2,3 de Marvila, na Biblioteca Manuel Alegre.

A receita da venda (mil e setecentos euros) do Menino como eu foi entregue, como o primeiro donativo, em dezembro de 2012.

A autora, a ilustradora e o editor agradecem a todos quantos contribuíram para este donativo.

Luísa Lobão Moniz, Rita Moniz, Carlos Veiga Ferreira não escondem a sua satisfação por terem contribuído para uma causa tão nobre como a defesa dos Direitos da Criança e da implementação da Convenção sobre os Direitos da Criança.

Que o livro continue a ser divulgado e adquirido por mais pessoas é o desejo de todos nós para que um novo donativo possa acontecer.

moniz

Porquê o donativo?

Luísa Maria Lobão da Veiga Moniz, professora do ensino básico, destacada no Instituto de Apoio à Criança, mais precisamente no SOS Criança teve sempre um carinho especial pelo Instituto.
Contactou com o SOS Criança, em 1989, por causa de uma menina mal tratada que hoje constituiu uma família feliz e estruturada.

Desde que surgiu o IAC que desejou colaborar com esta Instituição, pois sempre deu aulas em escolas consideradas problemáticas.

Colaborou em várias iniciativas sendo que aquela que mais a marcou foi ”As Crianças sonham a Europa”.

Quis os acasos da vida que em setembro de 2010 tivesse sido destacada para o IAC.

Nas primeiras reuniões de equipa do SOS Criança, em que participou, sentia-se o desejo da equipa divulgar o número da linha mais perto das crianças.

Ofereceu-se para fazer uma história que pudesse ser lida e refletida pelas escolas e que divulgasse o SOS Criança.

A história foi do agrado da equipa e o Coordenador Dr. Manuel Coutinho deu-lhe toda a liberdade para avançar.

Pensou em fotocopiá-la e fazer um pequeno livrinho.

Contactou com o CEDI que lhe aconselhou um ilustrador, mas a tentativa saiu lograda.

Fez, então, um desafio à sua sobrinha,  Rita Moniz, que estava a acabar o curso de design, para o ilustrar, sabendo ela que não iria receber nada por esse trabalho, a não ser a satisfação de estar a contribuir para uma boa causa.

A ilustração foi avançando e foi do agrado do editor, Carlos Veiga Ferreira, da Teodolito que aceitou, de imediato, lançar-se também neste gesto de solidariedade e publicar o livro graciosamente.

Carlos Veiga Ferreira, numa reunião com o Dr. Manuel Coutinho, no SOS Criança, combinou e acertou detalhes sobre a edição do livro.

Foi, sem hesitação e com muito entusiasmo, que os três, editor, meu marido, ilustradora, minha sobrinha e a autora, eu, abdicaram de qualquer benefício material.

Do que não abdicaram foi da alegria de poderem ser solidários com as crianças que estão em sofrimento e que não sabem que não estão sozinhas no mundo, têm o SOS Criança para as ajudar.

Esta foi a motivação para a edição do livro “Menino como eu” editado pela Teodolito, ilustrado por Rita Moniz e escrito por mim, Luísa Lobão Moniz.

moniz2


Entries e comentários feeds.