Robô criado para ser o “pior aluno da turma”

Junho 17, 2015 às 8:00 pm | Publicado em Vídeos | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

Notícia do Jornal de Notícias de 9 de junho de 2015.

Investigadores suíços criaram um robô humanoide que desempenha o papel de “pior aluno da turma”. Foi programado para interagir com os humanos e permitir que as crianças melhorem a aprendizagem.

As crianças são incentivadas a ensinar o robô para que elas próprias aprendam ao ensinar e aumentem a autoconfiança.

Séverin Lemaignan, um dos autores do projeto, explica que “se o robô falhar na escrita, a criança vai sentir-se responsável por isso”.

O sistema ainda está em fase de protótipo e tem sido usado experimentalmente.

Lemaignan assegura que esta tecnologia “não pretende substituir os professores”, mas sim ter o papel “de mau aluno que o professor não pode desempenhar”.

mais informações no site do projeto:

http://chili.epfl.ch/cowriter

 

 

 

 

 

Concerto de Solidariedade no Teatro Nacional de São Carlos que reverte para o IAC dia 20 de Junho

Junho 17, 2015 às 2:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , ,

a-loja-do-mestre-andre

O público é convidado a imaginar que está na Loja do Mestre André. Lá, pode descobrir os instrumentos, conhecer obras musicais e ajudar o Mestre, tocando instrumentos e até dirigir a orquestra…

Como nas edições anteriores, a entrada é livre mediante entrega de livro ou brinquedo que reverte para o instituto de apoio à criança.

Entrada condicionada ao levantamento prévio de senha, mediante entrega de brinquedo ou livro que reverte para o IAC — Instituto de Apoio à Criança; levantamento de senha a partir de sábado, 20 de Junho, às 10h, na bilheteira; disponibilidade limitada à lotação do Foyer do Teatro Nacional de São Carlos.

mais informações:

http://tnsc.pt/novo-programa-educativo-do-teatro-nacional-de-sao-carlos/

Menores de 18 proibidos de comprar cerveja e vinho a partir de 1 de julho

Junho 17, 2015 às 12:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

Notícia do Diário de Notícias de 17 de junho de 2015.

ng4342420

Alteração à lei do álcool foi publicada esta terça-feira.

A partir de 1 de julho é proibido vender qualquer tipo de bebida álcoolica a menores de 18, quer bebidas espirituosas, quer vinho e cerveja.

O Governo publicou esta terça-feira em Diário da República um decreto-lei que vem alterar a lei do álcool, eliminando a distinção entre bebidas espirituosas e as outras – todas passam a ser proibidas para os menores de 18.

No decreto-lei salienta-se que o principal objetivo não é “sancionar ou penalizar comportamentos”, mas sim “minimizar o consumo de bebidas alcoólicas por adolescentes, através do aumento da idade mínima de acesso e da proibição correspondente de venda”.

Isto depois de ser ter constatado, através de um estudo, que o as alterações instroduzidas em 2013 não foram suficientes e “que continuam a existir elevados níveis de comportamentos de risco e de excesso de consumo, com consequências nefastas para a população mais jovem”.

A fiscalização é da competência da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), da PSP e da GNR, que podem decidir encerrar estabelecimentos por algumas horas recolher provas ou identificar pessoas.

 

 

 

 

“Cócegas na Filosofia [e se…?]” Oficinas de filosofia para crianças

Junho 17, 2015 às 10:00 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , ,

filo

mais informações:

https://www.facebook.com/events/664469730345341/

Oficina para crianças entre os 4 e os 12 anos «Eu sou um mini-maker» na Biblioteca Municipal Coruchéus

Junho 17, 2015 às 9:05 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

maker

Oficina para Crianças Eu sou um mini-maker

PARA CRIANÇAS entre os 4 e os 12 anos

Eu sou um mini-maker é uma oficina educativa que propõe transformar uma caixa – Cube Box Play – em inúmeros brinquedos, fazendo dos participantes uns autênticos makers. A Cube Box Play é uma caixa com design especial, criada pela Arte_Transformer; é multifuncional e pode-se transformar: num helicóptero, num carro, numa catapulta, num avião, num jogo de matrecos, num caleidoscópio, num … até onde for a imaginação. Com esta oficina as crianças aprendem, num processo de thinkering, a metodologia projetual, planeando os seus projetos e desenvolvendo o raciocínio abstrato e a criatividade.

N.º mínimo de participantes: 4

N.º máximo de participantes: 10

Data: 2015-06-20 às 16:00

Contactos: Tlm: 917 906 940

artetransformer@gmail.com

Preço: 5€

Biblioteca dos Coruchéus

Rua Alberto Oliveira

1700-019 Lisboa (Freguesia de Alvalade)

Aluno de 15 anos da universidade de Staffordshire descobre novo planeta

Junho 17, 2015 às 9:00 am | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

Notícia da Visão de 13 de junho de 2015.

Nasa

Tom Wagg é um adolescente inglês que descobriu um novo planeta a orbitar uma estrela a mil anos-luz da nossa galáxia

Por: Cristiana Carreto Pereira

Astrónomos do mundo inteiro já encontraram milhares de planetas, mas Tom é, possivelmente, o mais jovem a fazer tal descoberta.

Com apenas 15 anos, Tom fez a descoberta enquanto participava numa atividade da universidade de Keele.

O jovem encontrou o planeta, ao examinar os dados recolhidos pelo projeto WASP (Wide AreaSearch for Planets), que estuda os céus noturnos e milhões de estrelas e galáxias. “Estou extremamente emocionado por ter descoberto um novo planeta e estou muito impressionado por conseguir observá-lo de tão longe”, afirma Tom que, atualmente tem 17 anos e estuda na universidade de Staffordshire.

Após dois anos de observação, foi possível provar-se a veracidade desta descoberta. Ao planeta que Tom Wagg descobriu foi dado o número de catálogo WASP-142b, por ter sido a descoberta número 142 deste projeto.

O astro encontra-se na constelação meridional de Hidra, tem aproximadamente o mesmo tamanho de Júpiter e orbita a sua estrela em apenas dois dias.

mais informações na notícia:

Schoolboy on work experience discovers planet

 

Os desafios educativos dos alunos invisuais – Reportagem do Euronews

Junho 17, 2015 às 6:00 am | Publicado em Vídeos | Deixe um comentário
Etiquetas: , ,

Reportagem do Euronews de 5 de junho de 2015.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, há cerca de 280 milhões de invisuais no mundo inteiro. Muitos deles não dispõem de métodos educativos adequados. Vamos agora descobrir projetos inspiradores que abrem horizontes inesperados.

Brasil: Dançar com o coração

Há mais de 20 anos que Fernanda Bianchini ensina pessoas cegas a dançar. Hoje em dia, a também fisioterapeuta dá aulas a cerca de 120 alunos, com idades compreendidas entre os três e os 60. Fernanda desenvolveu o seu próprio método de ensino. Os cursos ajudam os alunos a melhorar a postura, o equilíbrio, a auto-confiança e a noção de espaço. Apenas 10% deles não tem problemas de visão. Não é o caso de Jeiyza, que acompanha Fernanda desde o início. Também se tornou professora, para além de ser bailarina principal.

Estados Unidos: Um novo ritmo para aprender

Chegámos à Escola Lavelle para Cegos mesmo a tempo de assistir a uma sessão de beatbox. Graças ao programa Beat Rockers, estes estudantes têm a oportunidade de aprender esta técnica ligada ao hip-hop que se está a revelar uma produtiva ferramenta pedagógica. O programa já existe há cinco anos e serviu de base para criar um currículo escolar que se destina a ajudar os estudantes a desenvolver as capacidades criativas

Camboja: A Professora Pioneira

Foi a primeira professora a ensinar braile no Camboja. Agora dirige 5 escolas para os invisuais. Olhamos agora para o extraordinário trabalho desenvolvido por Phalla Neang rumo a uma melhor educação. O seu percurso pioneiro começou em 1994, quando criou uma associação que se tornou na única estrutura naquele país a desenvolver um programa educativo para crianças cegas. Tudo assenta na personalidade carismática desta mulher de 54 anos. Phalla Neang já ajudou mais de 1400 alunos com deficiências a terminar a escolaridade. Recentemente, foi nomeada para o prestigiado Global Teacher Prize.

 

 

 

 


Entries e comentários feeds.