Etapas do Desenvolvimento da Criança

Dezembro 2, 2014 às 8:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , ,

10734262_752060334881730_1930663818851740080_n

clicar na imagem

mais informações aqui

 

 

Um brinquedo, um livro, um irmão… Os CTT já recebem as cartas para o Pai Natal

Dezembro 2, 2014 às 4:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , ,

Notícia do Diário de Notícias de 1 de dezembro de 2014.

Fotografia © CTT

Fotografia © CTT

 

 

 Os CTT já começaram a receber as cartas para o Pai Natal. Brinquedos, livros, animais e até um irmão são os desejos dos mais novos, em cartas para a “Nuvem do Pai Natal” ou “Terra do Frio”.

Os CTT já começaram a receber as cartas ao Pai Natal que, todos os anos, chegam à sua rede. Este ano, esperam-se cerca de 170 mil cartas escritas e ilustradas por crianças de todo o país. Os CTT encarregam-se da resposta.

Segundo os CTT, este ano volta a haver o Pai Natal Solidário, uma ação de solidariedade social que surpreende crianças em situação de risco, realizando os seus desejos de Natal. “Nos CTT o Pai Natal tem uma segunda vocação. O de garantir que cerca de duas mil crianças desfavorecidas, à guarda ou acompanhadas por instituições, tenham também elas direito a que os seus pedidos sejam satisfeitos“, disse o gabinete de imprensa dos CTT.

Nesse sentido, os CTT pediram a 2000 crianças até aos 12 anos, de 60 instituições de solidariedade, de Norte a Sul do País, que escrevessem as suas cartas ao Pai Natal. Essas cartas estão publicadas na internet no site do Pai Natal Solidário, no Facebook e numa selecção de 68 lojas CTT de Portugal.

O Natal é a altura do ano mais mágica para as crianças. Mas, infelizmente, nem todas têm Natal. O Pai Natal Solidário vem trazer a magia e a surpresa que as crianças precisam para se sentirem acarinhadas” lê-se no site do Pai Natal Solidário.

Qualquer pessoa pode apadrinhar uma destas crianças, oferecendo o presente pedido por cada uma das crianças. A entrega é feita nos CTT, de forma gratuita e anónima. Não havendo qualquer ligação entre a criança e quem oferecesse a prenda.

Os CTT mobilizaram uma equipa com 15 pessoas para que nas próximas semanas se dediquem a tempo inteiro para garantir que todas as crianças recebam uma resposta “ajudando os pais a manter o sonho de Natal dos seus filhos”.

Os CTT terão um presente simbólico para as crianças “que se portaram bem, ou seja, todos”, e segundo eles, os presentes não são ainda desvendados “para não estragar a surpresa“.

Para os CTT as cartas ao Pai Natal, que com remetente são as únicas aceites sem selo pelos Correios, são “a primeira experiência das crianças na escrita de uma carta“. Brinquedos, livros e animais são os presentes mais pedidos ao Pai Natal, mas há quem tenha o desejo de ter um irmão.

Não são apenas os desejos de Natal que demonstram a imaginação que as crianças têm. Os locais a que as cartas se destinam são fruto da criatividade das mesmas. “Pólo Norte“, “Nuvem do Pai Natal“, “Terra do Frio” ou “Caminho das Estrelas” são algum dos endereços que chegam aos CTT.

 

A História do Pincel Mágico – Teatro de Marionetas no Dia Internacional/Europeu das Pessoas com Deficiência (3 de dezembro) FNAC Colombo

Dezembro 2, 2014 às 3:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: ,

cabe

Fórum Fnac Colombo, Lisboa

Data: 3 de Dezembro

Horário: 18h30

Entrada Livre

 

Mímica das Emoções Oficina por Inês Reis e Ana Rocha para Famílias na Biblioteca Natália Correia

Dezembro 2, 2014 às 2:34 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

mimica

Oficina por Inês Reis e Ana Rocha para Familias Mímica das Emoções

PARA CRIANÇAS dos 4 aos 12 anos, acompanhadas de um adulto

Oficina inspirada no livro “Eu Hoje Sinto-me”, onde cada família escolhe pelo menos 3 emoções. Através da construção de um enredo, vamos adivinhar as emoções apresentadas através da mimica.

Biblioteca Natália Correia – 6 dezembro 2014, às 11H00

Biblioteca dos Coruchéus – 4 julho 2015, às 16H00

N.º mínimo de participantes: 8 famílias N.º máximo de participantes: 12 famílias

Contactos: Informações e Inscrições: onossotempo.lx@gmail.com

Observações: Preço: 6€ por família

 

Morada: Biblioteca Natália Correia

Centro Social Polivalente

Rua Rio Cávado Bairro Padre Cruz

1600-997 Lisboa (Freguesia de Carnide)

Contactos: Tel.: 21 714 15 35 E-mail: biblioteca.carnide@jf-carnide.pt

Seminário “25 Anos da Convenção dos Direitos da Criança – Novos Desafios”

Dezembro 2, 2014 às 2:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

25

Junta de Freguesia do Beato

Rua de Xabregas, 67 – 1º 1900-439 Lisboa

tel.: 21 868 11 07 | fax: 21 868 64 80

geral@jf-beato.pt     http://www.jf-beato.pt

 

Junta de Freguesia da Penha de França

Travessa do Calado, nº 2

Tel. 218 160 720

Fax 218 160 721

Email  geral@jf-penhafranca.pt

Palestra “Somos todos Neandertais? O que nos dizem as novas evidências fósseis e genéticas.” Público-alvo: Estudantes do Ensino Básico e Secundário

Dezembro 2, 2014 às 12:41 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

showImage.php

11 DE DEZEMBRO | PALESTRA

“Somos todos Neandertais? O que nos dizem as novas evidências fósseis e genéticas.”

Sandra Assis, Vânia Carvalho, Francisco Curate, Richard Marques, Susana Carvalho, Vanessa Campanacho & GEEvH

Um dos achados que marcou a história da paleoantropologia e que veio revolucionar a árvore filogenética humana foi a descoberta, no século XIX, dos fósseis de Neandertal. Muitas notas introdutórias apresentam os Neandertais como hominíneos genética e morfologicamente distintos do Homo sapiens sapiens. De facto, e durante muito tempo, os Neandertais foram descritos como seres incapazes e abrutalhados; isto é, como uma espécie fóssil bioculturalmente inferior que se extinguiu no tempo. As novas evidências genéticas, biomoleculares, morfológicas e arqueológicas parecem contrariar este paradigma, fazendo emergir uma nova questão: Somos todos Neandertais?

Horário: 16h30 Público-alvo: Estudantes do Ensino Básico e Secundário; Todo o público Entrada livre Escolas: Inscrição prévia

Contactos

Museu da Ciência

Laboratorio Chimico Largo Marquês de Pombal

3000-272 Coimbra

T: 351 239 85 43 50

F: 351 239 85 43 59

geral@museudaciencia.org

geral@museudaciencia.pt

 

Lançamento de 3 livros da colecção MENINOS ESPECIAIS – 5 de Dezembro Museu da Electricidade

Dezembro 2, 2014 às 12:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

convite

Casa Museu Bissaya Barreto promove exposição “Sorrisos de Criança: na obra social de Bissaya Barreto”

Dezembro 2, 2014 às 6:00 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

sorrisos

texto do site http://www.fbb.pt  de 20 de novembro de 2014.

“Sorrisos de Criança: na obra social de Bissaya Barreto” é uma exposição documental e fotográfica que abre ao público no dia 20 de Novembro, data comemorativa do 25.º aniversário da adopção da Convenção sobre os Direitos da Criança pela ONU. A mostra expõe retratos de crianças que frequentaram diversas instituições de assistência e educação infantil criadas por Bissaya Barreto e materiais lúdicos e pedagógicos que são espólio das conhecidas Casas da Criança. Sorrisos de crianças, de hoje e de ontem, para ver na Casa Museu Bissaya Barreto, até dia 19 de Dezembro.

Bissaya Barreto e a Defesa dos Direitos das Crianças

Passaram 83 anos sobre a criação do Centro de Protecção e Defesa da Criança, localizado na Praça da República, e do seu Ninho dos Pequenitos, instituição com que Bissaya Barreto abriria caminho à construção de um conjunto vasto de outros estabelecimentos destinados à criança (Casas da Criança, Colónias de Férias, Preventórios, Institutos de educação especial para surdos e invisuais, entre outros). A posterior construção do Complexo Materno Infantil, na Quinta da Rainha, fez nascer um conjunto ímpar de estabelecimentos e serviços integrados no campo da assistência e educação infantil (um centro de puericultura, uma maternidade com consultas externas de obstetrícia e pediatria, uma creche, um parque infantil, o ninho dos pequenitos).

Numa das fachadas do edifício da Maternidade, inaugurada em 1963, Bissaya Barreto fez exibir os Direitos da Criança, em painel de azulejos, trabalho que encomendou à Fábrica Aleluia, em 1958. Mas já em 1946, um texto com os Direitos da Criança fora por si mandado pintar numa das paredes do edifício do Instituto Maternal, à Sé Velha.

Será em 1959 que a Declaração dos Direitos da Criança é adotada por unanimidade na Assembleia Geral das Nações Unidas a 20 de Novembro, mas o texto não é ainda de cumprimento obrigatório para os Estados-membros. Em 1989 é finalmente adotada por unanimidade a Convenção sobre os Direitos da Criança pela Assembleia Geral da ONU e aberta à subscrição e ratificação pelos Estados. Até hoje, foi ratificado pela quase totalidade dos Estados do mundo (192). Portugal ratificou a Convenção em 21 de Setembro de 1990.

 


Entries e comentários feeds.