Por dia há duas crianças vítimas de abusos sexuais

Maio 31, 2014 às 3:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

Notícia do Diário de Notícias de 28 de maio de 2014.

O documento mencionado na notícia é o seguinte:

Memorando 2/2014. Actividade e resultados do MP no domínio da investigação criminal. 1º trimestre de 2014.

clicar na imagem

dn

Ludopolis – Festival dos Jogos e Diversão

Maio 31, 2014 às 1:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

ludopo

http://www.ludopolis.pt/

Uma em cada mil crianças sofre de perda auditiva

Maio 30, 2014 às 8:00 pm | Publicado em Estudos sobre a Criança | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

Notícia do site rcmpharma.com de 21 de maio de 2014.

mais informações no documento da OMS:

Global estimates on prevalence of hearing loss

 

rcmpharma

De acordo com os últimos dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a prevalência da perda auditiva infantil é de 1,7%, existindo 32 milhões de crianças e adolescentes em todo o mundo, com idade igual ou inferior a 15 anos que sofrem de algum grau de perda auditiva.

São vários os factores que podem causar dificuldades auditivas nestas idades. Muitas vezes, as crianças adquirem este problema à nascença, sendo-lhes diagnosticado um grau de perda auditiva significativo devido a complicações genéticas, mas em muitos dos casos este problema surge após sofrerem de algumas doenças infantis, como é o caso das otites, papeira, rubéola, sarampo ou meningite.

“A perda auditiva infantil afecta não só a criança, mas também os pais que, por falta de informação, não sabem como agir quando confrontados com o problema. Para a criança, esta dificuldade interfere no desenvolvimento da fala, o que implica problemas futuros a nível social, emocional e cognitivo. Quanto mais cedo for detectada a surdez nas crianças, mais fácil será a avaliação das medidas adequadas para que se desenvolva com normalidade. Caso não seja diagnosticado atempadamente o problema de audição, devem ser encontradas soluções para que a criança tenha uma vida estável”, comenta Dulce Martins Paiva, directora geral da GAES – Centros Auditivos.

De forma a preservar a qualidade de vida das crianças, não tornando a perda auditiva um problema futuro, os médicos especialistas aconselham o uso de um aparelho auditivo a fim de melhorar a capacidade de audição. O uso deste dispositivo deverá ocorrer assim que a surdez for detectada, para evitar problemas de desenvolvimento e comunicação.

Fonte: comunicado de imprensa

 

Comemoração do Dia da Criança no Agrupamento de Escolas Carlos Gargaté- Charneca da Caparica

Maio 30, 2014 às 1:50 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

junho-cre lorosae

No dia 3 de junho, o Agrupamento de Escolas Carlos Gargaté realiza um workshop sobre os Direitos da Criança em articulação com o IAC, no âmbito das comemorações do Dia da Criança. Este workshop destina-se aos alunos do 3º ano e será dinamizado pela escritora Raquel Palermo, a partir do conto “Uma-poça-quase-lago-quase-mar” in Histórias com Direitos e pela prof.ª Cláudia Manata do IAC a qual desenvolverá atividades que darão a conhecer aos alunos, de uma forma lúdica, os seus Direitos e Responsabilidades, de acordo com a Convenção sobre os Direitos da Criança

Atividade escolar realizada pelos alunos da EB1/JI Porto Pinheiro no âmbito da Iniciativa de Celebração do Dia 25 de Maio (Dia Internacional das Crianças Desaparecidas) “A Àrvore da Esperança”

Maio 30, 2014 às 1:20 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , ,

arvore

Atividade realizada pelos alunos do 1º ciclo da EB1/JI Porto Pinheiro (Agrupamento de Escolas Moinhos da Arroja), no âmbito da Iniciativa de Celebração do Dia 25 de Maio (Dia Internacional das Crianças Desaparecidas) “A Àrvore da Esperança”.

Em Portugal assinalou-se pela primeira vez em 25 de maio de 2004 o dia Internacional da Criança Desaparecida, por iniciativa do IAC (Instituto de Apoio à Criança).

Esta data vem sendo assinalada em diversos países europeus.

A Federação Europeia das Crianças Desaparecidas e Exploradas Sexualmente (MCE) criada em 2001 e que o IAC integra desde a sua fundação, todos os anos assinala o dia 25 de maio, recomendando iniciativas às ONG nacionais.

Este ano, indo ao encontro da iniciativa de alguns parceiros, vimos propor às escolas de 1º ciclo que decorem uma árvore, evocando as crianças desaparecidas e o dia 25 de maio. A árvore deverá ter um cartaz ou algo que identifique o número europeu gratuito para as crianças desaparecidas, o 116 000 e será decorada ao gosto da escola, com fitas, laços, símbolos que apelem à esperança e à lembrança.

no âmbito da Iniciativa de Celebração do Dia 25 de Maio (Dia Internacional das Crianças Desaparecidas) “A Àrvore da Esperança”.

Em Portugal assinalou-se pela primeira vez em 25 de maio de 2004 o dia Internacional da Criança Desaparecida, por iniciativa do IAC (Instituto de Apoio à Criança).

Esta data vem sendo assinalada em diversos países europeus.

A Federação Europeia das Crianças Desaparecidas e Exploradas Sexualmente (MCE) criada em 2001 e que o IAC integra desde a sua fundação, todos os anos assinala o dia 25 de maio, recomendando iniciativas às ONG nacionais.

Este ano, indo ao encontro da iniciativa de alguns parceiros, vimos propor às escolas de 1º ciclo que decorem uma árvore, evocando as crianças desaparecidas e o dia 25 de maio. A árvore deverá ter um cartaz ou algo que identifique o número europeu gratuito para as crianças desaparecidas, o 116 000 e será decorada ao gosto da escola, com fitas, laços, símbolos que apelem à esperança e à lembrança.

Encontro para os Direitos da Criança

Maio 30, 2014 às 1:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

encontro

I Encontro dos Direitos da Criança Lisboa 2014, que decorrerá no dia 06 de Junho de 2014, entre as 9 horas e as 17 horas, no Teatro Aberto, em Lisboa.

O enquadramento inspirador deste Encontro são os resultados alcançados em cerca de 15 anos de trabalho em parceria interinstitucional, realizado nas CPCJ – Comissões de Protecção de Crianças e Jovens, designadamente nas CPCJs do Concelho de Lisboa.

No entanto, este Encontro pretende ser um espaço de reflexão virado para o futuro, preparando os próximos anos de trabalho colaborativo, intensificando a prevenção dos riscos e promoção dos direitos das crianças.

Programa Encontro Direitos da Criança Lisboa 2014

Confirme a sua presença até 05/06/2014, às 13 horas, para o email: inscricões.dds@cm-lisboa.pt ou pelo telefone 217 988 179 (898) – Ricardo Perdigão.

Seminário “Novos Desafios do Tráfico Humano: Exploração na Mendicidade e Coação para a prática de Delitos

Maio 30, 2014 às 12:09 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , ,

A Drª Paula Paçó, técnica do Projecto Rua do Instituto de Apoio à Criança irá participar no seminário com a comunicação “A Linha SOS Criança e o Projecto Rua”.

semi

 

O evento é de participação gratuita e terá lugar no Museu Dom Diogo de Sousa, na Rua dos Bombeiros Voluntários, em Braga, pelas 09:30h, devendo @s interessad@s realizar a sua inscrição aqui, até ao dia 2 de Junho.

mais informações aqui

 

 

Emigração com filhos – Vídeo da Fundação Francisco Manuel dos Santos

Maio 30, 2014 às 12:00 pm | Publicado em Site ou blogue recomendado, Vídeos | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , ,

mais vídeos da Fundação Francisco Manuel dos Santos sobre direitos e deveres aqui

mais informações no site da Fundação Francisco Manuel dos Santos  sobre o tema da Emigração com filhos aqui

mais informações sobre vida pessoal e familiar (Infância e juventude, paternidade e maternidade, tutela de menores, divórcio, etc) no site da Fundação Francisco Manuel dos Santos  aqui

Atividade escolar realizada pelos alunos da EB1/JI de Sesimbra no âmbito da Iniciativa de Celebração do Dia 25 de Maio (Dia Internacional das Crianças Desaparecidas) “A Àrvore da Esperança”

Maio 30, 2014 às 11:12 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , ,

116

Atividade realizada pelos alunos do 1º ciclo da EB1/JI de Sesimbra Agrupamento de Escolas Navegador Rodrigues Soromenho no âmbito da Iniciativa de Celebração do Dia 25 de Maio (Dia Internacional das Crianças Desaparecidas) “A Àrvore da Esperança”.

Em Portugal assinalou-se pela primeira vez em 25 de maio de 2004 o dia Internacional da Criança Desaparecida, por iniciativa do IAC (Instituto de Apoio à Criança).

Esta data vem sendo assinalada em diversos países europeus.

A Federação Europeia das Crianças Desaparecidas e Exploradas Sexualmente (MCE) criada em 2001 e que o IAC integra desde a sua fundação, todos os anos assinala o dia 25 de maio, recomendando iniciativas às ONG nacionais.

Este ano, indo ao encontro da iniciativa de alguns parceiros, vimos propor às escolas de 1º ciclo que decorem uma árvore, evocando as crianças desaparecidas e o dia 25 de maio. A árvore deverá ter um cartaz ou algo que identifique o número europeu gratuito para as crianças desaparecidas, o 116 000 e será decorada ao gosto da escola, com fitas, laços, símbolos que apelem à esperança e à lembrança.

Dia da Criança: roteiro de atividades de norte a sul

Maio 30, 2014 às 9:00 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: ,

Texto do site educare de 28 de maio de 2014.

educare

Dentro ou fora da sua cidade, há imensas atividades para fazer com os seus filhos e, assim, aproveitar no Dia Mundial da Criança.

Andreia Lobo

No próximo domingo, 1 de junho, celebra-se o Dia Mundial da Criança. Mas as atividades dirigidas às crianças, em muitos dos museus, começam logo no sábado. Outras, a cargo das autarquias e envolvendo as escolas, estendem-se até segunda-feira. Seja como for, se está a pensar num passeio em família, consulte o nosso roteiro de atividades. Pode escolher um destino dentro ou fora da sua cidade. Viajando com crianças, não se esqueça de programar tudo com alguns dias de antecedência. E opte por sair cedo de casa, evitando viajar durante o período de calor. No carro é sempre difícil entreter os mais novos, mas com algumas histórias e imaginação o percurso até se torna mais curto. Levar garrafas de água e fazer paragens de duas em duas horas são dois conselhos a não descurar. Tudo para disfrutar de um bom dia em família.

NORTE

Igreja Sagrada Família – Viana do Castelo
Em Viana, o Dia Mundial da Criança, a 1 de junho, celebra-se com uma palestra de Daniel Serrão sobre o tema “Os direitos da criança e os direitos/deveres dos pais”, que acontece na Igreja da Sagrada Família às 14h30. Ao mesmo tempo, no largo da Igreja haverá exposições, ateliês de animação, insufláveis, folclore, zumba e outras atividades para as famílias.
Local
: Abelheira, 4900 Viana do Castelo; entrada livre.

EB 1 Amorosa e Jardim da Marina e Jardim Público – Viana do Castelo

Na escola de 1.º ciclo da Amorosa, às 14h00, há jogos tradicionais para crianças e adultos. E no dia 2 de junho as celebrações seguem com “Viana a Brincar”, uma série de atividades de dramatização, pinturas faciais e jogos tradicionais.
Local
: Jardim da Marina e no Jardim Público a partir das 9h00; entrada livre.

Plataforma das Artes – Guimarães
De 31 de maio a 1 de junho, há “Festa na Praça da Plataforma das Artes”. O sábado começa com o “Mercadinho do Livro e do Brinquedo”, que vai dar a conhecer às crianças editoras, livreiros, artesãos e designers da região. Entre as 10h00 e as 21h30 há “Filminhos Infantis”, numa organização conjunta com o Cineclube de Guimarães. Pelo meio há Ioga para pais e filhos e um “Bailarico da Pequenada”, às 18h00. No domingo a Black Box da Plataforma das Artes acolhe pelas 16h00 o espetáculo “Poemas para Bocas Pequenas”, de Margarida Mestre e António-Pedro, dirigido a crianças dos 3 aos 5 anos.
Local
: Avenida Conde Margaride, 175, 4810-535 Guimarães; entrada livre.

Museu Nogueira da Silva – Braga
“Das histórias, nascem histórias” é a proposta de atividade do Museu Nogueira da Silva para o dia 31 de maio. Trata-se de uma oficina de artes plásticas para crianças dos 6 aos 10 anos e decorre das 10h30 às 12h30. As inscrições devem ser feitas até 30 de maio.
Local: Avenida Central, n.º 61, 4710-228 Braga – Tel. 253 60 12 75; e-mail:
sec@mns.uminho.pt; entrada: 5 euros.

Museu de Serralves – Porto

O Dia Mundial da Criança coincide com 11.ª edição do “Serralves em Festa”. Por isso, as famílias não serão esquecidas ao longo das 40 horas de eventos consecutivos (das 8h00 de sábado às 24h00 de domingo) que se iniciam a 31 de maio. Das 9h00 às 19h00, no dia 1 de junho, há oficinas para construir objetos com materiais recicláveis, ver grilos, cigarras, formigas, sapos e lesmas no celeiro do Parque, perceber a diferença entre magia e alquimia, visitas guiadas ao museu para os mais novos e uma série de momentos pensados para simplesmente aproveitar o dia. A programação estende-se pela Baixa do Porto.
Local
: Rua D. João de Castro, 210 – 4150-417 Porto – Tel. 226156579; entrada gratuita.

Parque Biológico de Gaia – Vila Nova de Gaia
A ocasião serve de pretexto para a estreia da peça de teatro de marionetas “Namoro de Pirilampos”, interpretada pela Associação Ilha Mágica, às 16h00 no auditório do Parque Biológico de Gaia. A atividade insere-se no programa das habituais noites dos pirilampos que acontecem dias 6, 7, de 9 a 14, de 16 a 21 e de 25 a 28 de junho. Por ser o dia delas, as crianças recebem ainda uma lembrança.
Local: Águas e Parque Biológico de Gaia, EEM 4430-681 Avintes – Tel.22 78 78 137/8; e-mail:
atendimento@parquebiologico.pt; entrada livre.

CENTRO

Visionarium – Santa Maria da Feira
Aproveitar o cenário verde do exterior para corridas e aventuras: air bungee, insufláveis, trampolins, carrinhos, pinturas e música. Mas também para focar as atenções na ciência. Fabricar sais de banho, ver a alteração de cores mediante o Ph e ver como “salta a tampa” quando se fazem experiências com bicarbonato de sódio e vinagre. Estas são as propostas do Visionarium para 1 de junho. Mas a “Festa da Criança” acontece também nos dias 28, 29, 30 de maio e 2 de junho, com atividades dirigidas a grupos escolares, associações e ATL.
Local: Centro de Ciência do Europarque – Tel. 256 370 634/07; e-mail:
lftavares@aeportugal.com; entrada: 7 euros bilhete individual; 18 euros família com três elementos.

Fábrica Centro Ciência Viva – Aveiro e Figueira da Foz
A III Feira de Ciência pode ser uma boa oportunidade para passar o fim de semana com as crianças. Os eventos decorrem de 29 de maio a 1 de junho, das 11h00 às 12h00 e das 14h00 às 20h00 no Centro Comercial Glicínias Plaza, em Aveiro. Do programa constam as atividades “Química por Tabela 2.0”, sessões no Planetário portátil, o workshop laboratorial “Saber em gel” e vários módulos de ciência interativos. Os dias 29 e 30 estão reservados ao público escolar, os restantes são abertos às famílias. A III Feira de Ciência pode também ser visitada num outro local, o Centro Comercial Foz Plaza, na Figueira da Foz. Entre os dias 30 de maio e 1 de junho, as crianças podem participar nas atividades: “Aprender ciência a brincar”; “Não me toques… que me eletrificas!”; “Aviões e trambolhões” e “Bolas efervescentes”.
Local
: Centro Comercial Glicínias Plaza (Aveiro) e Centro Comercial Foz Plaza (Figueira da foz) – Tel. 234 891 250; Entrada gratuita.

Museu de Santa Maria de Lamas – Santa Maria de Lamas
E se cada criança fizesse de conta que era uma das peças expostas? A Senhora do Ó, com a sua barriguinha volumosa? O Santo Antão, com o seu porquinho rechonchudo? Ou um agricultor, um silvicultor, pescador e pastor? Brincar ao faz de conta é a proposta do Museu de Santa Maria de Lamas, de 26 de maio a 3 de junho, das 10h00 às 12h00 ou 14h30 às 16h30. Pretende-se dar a conhecer a história das várias coleções com visitas guiadas às principais salas de exposições, a etnográfica e a da cortiça, mostrando de que forma os objetos expostos eram usados.
Local: Largo da Igreja, n.º 90, 4536-904 Santa Maria de Lamas – Tel. 227 44 74 68, e-mail:
geral@museudelamas.pt; entrada: 3 euros.

Museu Monográfico de Conimbriga – Condeixa-a-Nova
O Dia Mundial da Criança celebra-se a 2 de junho com atividades unicamente dirigidas às crianças do Agrupamento de Escolas de Condeixa. O programa decorre das 10h00 às 17h00 e inclui o “Ateliê Digitinta”, a Oficina do Barro, brincadeiras com insufláveis e uma visita temática às ruínas intitulada “À Descoberta do Fórum Romano”.
Local
: Condeixa-a-Nova – Tel. 239 941 177.

Portugal dos Pequenitos – Coimbra
Além das recriações de monumentos históricos e da famosa zona “das casinhas”, que reproduzem as habitações mais típicas do país, o Portugal dos Pequenitos tem uma programação especial para este dia especial dedicado às crianças. Há escalada e animação com personagens históricas, das 11h00 às 17h00. De resto todo o parque está aberto das 9h00 às 20h00 todos os dias.
Local
: Rossio de Santa Clara, 3040-256 Coimbra – Tel. 239 801 170; entrada: 5,95 euros para crianças dos 2 aos 13 anos e maiores de 65 anos; 8,95 euros para o público em geral; 25,95 bilhete família (dois adultos e duas a três crianças dos 3 aos 13 anos).

LISBOA E VALE DO TEJO

Planetário Calouste Gulbenkian / Centro Ciência Viva – Lisboa
Uma história com algumas experiências sobre o mundo da nanotecnologia, contada pela investigadora Quirina Ferreira, do Instituto Telecomunicações. Este é o enredo de “Era uma vez um cientista que descobriu a nanotecnologia”, uma atividade que leva os mais pequenos a descobrir o que é, onde existe e como será o nosso futuro com esta tecnologia. Acontece dia 1 junho pelas 11h30 na sala do Planetário.
Local
: Praça do Império, 1400-206 Lisboa – Tel. 213 620 002; entrada gratuita para crianças até aos 12 anos, 2,50 euros para o restante público.

Museu Berardo – Lisboa
A manhã está destinada a “Cozinh’arte”, um momento performativo entre a cozinha de autor e a criatividade das crianças que se inicia às 11h00 e é dirigida a crianças dos 2 aos 4 anos. “O corpo tem mil histórias” é a atividade que vai preencher a tarde. Começa às 16h00 e destina-se às crianças dos 3 aos 5 anos. Mas também há um programa especial, realizado no âmbito da publicação para crianças “Arte Moderna e Contemporânea – A minha primeira coleção”. Uma iniciativa que pretende dar a conhecer os diferentes movimentos artísticos através de jogos e visitas às coleções a crianças dos 6 aos 12 anos. No dia 1 de junho, as atividades abordam o cubismo e o futurismo e começam às 16h00.
Local: Praça do Império, 1449-003 Lisboa – Tel. 213 612 878, e-mail:
museuberardo@museuberardo.pt; entrada gratuita.

Museu Nacional de História Natural e da Ciência – Lisboa
Sem atividades específicas para o Dia Mundial da Criança, o Museu da Universidade de Lisboa pode, ainda assim, ser um ponto de partida para um bom fim de semana em família. A agenda de atividades para o dia 31 de maio prevê uma viagem de descoberta e de observação da Natureza para pais com crianças dos 5 aos 10 anos de idade. “Despertar a Primavera”, assim se chama esta oficina de movimento que requer roupa confortável e meias e decorre das 15h00 às 17h00.
Local
: Rua da Escola Politécnica, 56/58, 1250-102 Lisboa – Tel. 213921879; Entrada: 4 euros.

ALENTEJO

Fluviário – Mora
Seja numa visita livre ou guiada, vale a pena descobrir o programa pedagógico do Fluviário de Mora, que inclui visitas aos aquários, passeios pelas ribeiras, pelo Parque Aventura e oficinas de educação ambiental para grupos de todas as idades.
Local: Parque Ecológico do Gameiro, Apartado 35, 7490-909 Cabeção, Mora – Tel. 266 448 130, e-mail:
fluviariomora@mail.telepac.pt; entrada: 4,90 a 10 euros, consoante o pacote de atividades.

ALGARVE

Centro de Ciência Viva de Tavira – Tavira
Levar o jardim para casa aprendendo a cultivar plantas aromáticas. Trata-se de uma atividade para envolver as famílias que o Centro de Ciência Viva de Tavira põe em marcha a 31 de maio, entre as 10h00 e as 12h30. Dirige-se a crianças com mais de 8 anos, acompanhadas por um adulto. No mesmo dia entre as 10h00 e as 11h00 o Centro de Ciência Viva convida os pais a deixarem os filhos para a “Hora do conto”, com histórias sobre ciência. A atividade dirige-se a crianças dos 5 aos 8 anos.
Local: Convento do Carmo, 8800-311 Tavira Portugal – Tel. 281 32 62 31, e-mail:
geral@cvtavira.pt. “Jardim de Aromáticas à Janela”; entrada; 5 euros por participação individual, 7 euros por família; “hora do conto com ciência” 2,5 euros.

 

Página seguinte »

site na WordPress.com.
Entries e comentários feeds.