França lança campanha contra “bullying” nas escolas e redes sociais

Dezembro 5, 2013 às 8:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

Notícia do site rfi de 26 de Novembro de 2013.

Clicar na imagem

2013_NAH_infographie_284202

Adriana Moysés

O governo francês lança hoje uma campanha nacional contra o “bullying” de crianças e adolescentes nas escolas e na internet, um fenômeno que ultrapassou as quadras de recreação e já provocou o suicídio de vários menores nos últimos tempos. A campanha alerta contra as humilhações veiculadas nos celulares e nas redes sociais, principalmente no Facebook.

O ministério francês da Educação quer estimular professores e pais a agir contra o “bullying” (do inglês bully = “valentão”) e ao mesmo tempo incentivar os adolescentes a romper o silêncio. Os vídeos da campanha, feitos dentro de salas de aula, mostram crianças e adolescentes que passaram pelo problema. Eles dizem que preferiam ter sido protegidos e que a comunidades educativa, os pais e testemunhas podem e devem ajudar as vítimas.

Mais da metade das agressões observadas na França envolvem adolescentes de 12 a 14 anos, sendo que as meninas são as primeiras vítimas. As formas de assédio mais comuns são a publicação de fotos íntimas dos jovens sem o seu consentimento na internet, comentários ofensivos sobre a aparência física dos estudantes, xingamentos e outros insultos verbais, além de agressões físicas intencionais e repetitivas. Muitas vezes o “bullying” acontece sem motivação evidente, mas causa dor, angústia e até atitudes desesperadas como o suicídio dos jovens.

Os alunos que testemunham o “bullying” convivem com a violência e frequentemente se calam com medo de se tornar as “próximas vítimas” do agressor. Segundo especialistas,
as crianças ou adolescentes que sofrem “bullying” podem se tornar adultos com sentimentos negativos e baixa autoestima.

Na França, os professores são acusados de passividade diante do fenômeno. Especialistas reconhecem que as fronteiras entre a escola e a vida familiar são porosas. Uma briga que começa na escola pode continuar até a madrugada na cama do adolescente, nas mensagens de celular e redes sociais. Os pais, que poderiam exercer um papel fundamental de proteção, muitas vezes desconhecem a situação.

Os dados sobre o número de alunos franceses vítimas de “bullying” varia, segundo a fonte. A ensaísta Catherine Blaya, autora de uma síntese internacional sobre as atitudes de risco e a violência dos adolescentes na internet, calcula que 6% dos estudantes franceses são vítimas de “bullying” no espaço virtual. A associação “E-Enfance” (e-infância), que propõe uma plataforma de escuta para as jovens vítimas e faz um trabalho de sensibilização nos colégios, afirma que há dois anos o “bullying” atingia 15% da população escolar do ensino médio e hoje pulou para 22%.

 

 

Alunos portugueses mantêm-se abaixo da média

Dezembro 5, 2013 às 6:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social, Relatório | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

Notícia do Diário de Notícias de 3 de Dezembro de 2013.

por Texto da Lusa, publicado por Lina Santos

Portugal mantém-se abaixo dos países que participam no Programa Internacional de Avaliação de Alunos (PISA) nas áreas de leitura, matemática e ciências, destacando a OCDE a melhoria da performance dos estudantes nacionais desde 2003.

Os resultados do relatório PISA 2012, da responsabilidade da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económicos (OCDE) foram hoje divulgados, sendo testados os conhecimentos dos alunos de 15 anos de 65 países a nível mundial.

Nas três áreas, Portugal mantém-se abaixo da média, apesar de estar perto deste valor, no caso da Matemática, onde os alunos portugueses obtiveram 487 pontos, sendo o nível da média geral 494.

Na avaliação dos conhecimentos de leitura, os estudantes portugueses conseguiram um resultado médio de 488, enquanto o nível da média geral se fixou nos 496.

Nas ciências, os alunos nacionais obtiveram 489 pontos, sendo a média de 501 nesta área.

No sumário executivo do documento, a OCDE destaca que Portugal faz parte do grupo de países, que participando em todas as avaliações deste 2003, apresenta uma melhoria média em matemática de mais de 2,5 pontos por ano.

Assim, surge o parâmetro “mudança anualizada” (annualised change) que a OCDE considera ser uma medida mais robusta para avaliar as tendências no desempenho, porque se baseia em todas as informações disponíveis e não na diferença entre um ano e outro.

Na matemática, os alunos portugueses verificaram uma mudança anualizada de 2,8, enquanto na ciência obtiveram 2,5 e na leitura 1,6.

Entre 2003 e 2012, Itália, Polónia e Portugal aumentaram a participação de melhores desempenhos e, simultaneamente, conseguiram reduzir a parcela de baixo desempenho em matemática.

O sumário executivo do relatório destaca ainda que Portugal é um dos países da OCDE que melhorou o desempenho em termos de leitura nas várias avaliações do PISA.

Xangai (China), Singapura e Hong Kong (China) ocupam os três primeiros lugares nas três áreas de conhecimento avaliadas pelo PISA.

No PISA 2009, os alunos portugueses tinham conseguido uma classificação de 489 pontos, quase ao nível da média geral, que foi de 493 no parâmetro principal de avaliação, centrado na leitura.

Nos conhecimentos de matemática, os portugueses conseguiram então 487 pontos e na avaliação dos conhecimentos em ciência 493.

Cerca de 510 mil estudantes de 15 anos realizaram a esta prova, que ficou mais a matemática, mas abordou também a leitura e a ciência. Estes alunos representam os cerca de 28 milhões de estudantes de 15 anos que frequentam as escolas dos 65 países participantes no estudo.

O Pisa realizou-se pela primeira vez em 2000 e decorre de três em três anos. A escala utilizada foi construída de forma a que, no conjunto dos países da OCDE, a média fosse de 500 pontos.

OCDE adverte para importância do contexto socioeconómico

Seminário Europeu “Lidar com o Discurso de Ódio Online e Offline”

Dezembro 5, 2013 às 3:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

odio

As inscrições decorrem até 6 de dezembro em: http://www.odionao.com.pt/campanha-em-acao.aspx

Crise e emigração aumentam raptos parentais

Dezembro 5, 2013 às 1:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

Notícia do Jornal de Notícias de 2 de Dezembro de 2013.

Clicar na imagem

jnx2

Concurso 7 Dias, 7 Dicas sobre os Media – Ano letivo 2013-2014

Dezembro 5, 2013 às 12:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

dicas

O Gabinete para os Meios de Comunicação Social (GMCS) e a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), em parceria com a Direção Geral da Educação e a Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) lançam, pela segunda vez, junto dos estabelecimentos de ensino básico e secundário, o Concurso 7 Dias, 7 Dicas sobre os Media.

Motivadas pela adesão alcançada no ano letivo anterior, as entidades promotoras do concurso decidiram repetir a iniciativa, integrando-a na Operação 7 Dias com os Media a desenvolver entre 3 e 9 de maio de 2014.

Este desafio, dirigido a duas categorias de alunos – 1º e 2º ciclos do ensino básico e 3º ciclo do ensino básico e secundário – tem como objetivos continuar a fomentar o uso crítico e criativo dos media, uma utilização mais segura da Internet e o respeito pelos direitos de autor, bem como estimular dentro das escolas a colaboração entre os professores, os alunos, os jornais, rádios, televisões e bibliotecas escolares no âmbito da Educação para os Media.

Mais informações Aqui

Fórum da Cidadania 2013 – prazo de Inscrições alargado até 5 de Dezembro

Dezembro 5, 2013 às 10:42 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

forum

inscrições em http://lisboasolidaria.cm-lisboa.pt/

 

Navega@s em Segurança? – Sessões de sensibilização

Dezembro 5, 2013 às 6:00 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , ,

navegas

As sessões são dirigidas a crianças e jovens, educadores, seniores e cidadãos em geral.

Cidadania Data: 18-10-2013 a 20-12-2013 Agenda: Nacional Local: Lojas Ponto JA | Capitais de distrito Promotor: IPDJ, I.P. Contactos: Linha da Juventude 707 20 30 30

Descrição

Navegas em segurança na internet?

Queres estar seguro na internet?

O IPDJ, I.P., através da Linha Ajuda Internet Segura, promove entre 11 de novembro e 20 de dezembro a iniciativa nacional designada Naveg@s em Segurança, realizando nas Lojas Ponto JA das capitais de distrito sessões de sensibilização com o objetivo de promover uma cultura de presença e navegação seguras no mundo digital.

As sessões, com a duração de 1h30, são dirigidas a crianças e jovens, educadores, seniores e cidadãos em geral e destinam-se a:

participantes individuais,

escolas,

grupos,

associações juvenis e desportivas,

instituições particulares de solidariedade social, entre outras.

Inscreve-te ou inscreve já o teu grupo ou organização!

Nestas sessões serão abordados os seguintes temas:

segurança no computador pessoal,

navegação inteligente/critica,

comunicação online, lazer, redes sociais e vírus e malware.

| Inscrições |

A participação nas sessões é totalmente gratuita, estando aberta a todos os interessados que queiram aderir individualmente, bem como a grupos oriundos de instituições, escolas e outras entidades.

As inscrições podem ser feitas diretamente numa Loja Ponto JA ou através do
e-mail geral@ipdj.pt.

 

 


Entries e comentários feeds.