Europa: 18 milhões de crianças sofrem maus-tratos

Outubro 9, 2013 às 6:00 am | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

Notícia do site Fátima Missionária de 17 de Setembro de 2013.

LUSA

LUSA

Texto Francisco Pedro

Todos os anos morrem mais de 800 menores de 15 anos na Europa, devido aos maus-tratos, revelou a Organização Mundial de Saúde (OMS), adiantando que mais de 18 milhões de jovens são vítimas de agressões.

«Chegou o momento de reconhecer o maltrato infantil como um problema de saúde pública e não apenas como um problema de justiça penal ou social». Este foi o apelo lançado pela diretora regional para a Europa da Organização Mundial de Saúde (OMS), Zsuzsanna Jakab, na apresentação do relatório sobre a prevenção dos maus tratos infantis, um estudo que revelou a existência no espaço europeu de mais de 18 milhões de menores, vítimas de abusos.

Segundo o documento, anualmente, os maus-tratos são responsáveis pela morte de mais de 800 jovens com menos de 15 anos. Cerca de 29 por cento das crianças sofrem de violência emocional, 22 por cento estão sujeitas a agressões físicas e 13 por cento das raparigas são vítimas de abusos sexuais.

Como a violência infantil não tem só um impacto devastador na vida dos menores, mas também tem custos sociais e económicos, que ascendem a dezenas de milhares de milhões de euros, a OMS está a preparar uma série de medidas para reforçar a prevenção. «O abuso de menores pode prevenir-se através de uma abordagem integrada do ponto de vista da saúde pública. Nos próximos meses prepararemos um pacote de medidas que poderão ser utilizadas pelos países e estaremos prontos para os ajudar a implementá-las», anunciou Jakab.

O relatório refere que os pais solteiros, com poucos recursos, com um nível de escolaridade baixo e que vivem em comunidades desfavorecidas são mais propensos a maltratar os filhos. E aponta o consumo de drogas e álcool como um dos fatores que mais potencia o stress parental e a violência doméstica. Para os responsáveis da OMS, a prevenção é mais rentável do que fazer frente às consequências dos maus-tratos.

TrackBack URI


Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: