Somália, o pior sítio do mundo para se ser criança

Maio 10, 2013 às 6:00 am | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

Notícia da Visão de 3 de Maio de 2013.

O estudo mencionado na notícia é o seguinte:

Mortality among populations of southern and central Somalia affected by severe food insecurity and famine during 2010-2012

REUTERS

REUTERS

A fome matou 133 mil crianças com menos de cinco anos. Em apenas um ano

O primeiro estudo em profundidade sobre as mortes por fome na Somália foi divulgado quinta-feira e confirma, em números, um cenário trágico: 133 mil crianças, com menos de cinco anos, morreram em 2011. Em algumas comunidades, a taxa de mortalidade infantil é perto de 20%, ou seja, um quinto das crianças morre de fome. Dados que fazem da Somália o sítio mais perigoso do mundo para se ser criança.

No total dos países industrializados, as mortes de crianças com menos de cinco anos no mesmo período foi de 65 mil.

“O mundo foi demasiado lento a responder aos avisos da seca, exacerbada pelo conflito na Somália e o povo pagou com as suas vidas. Estas mortes podiam e deviam ter sido evitadas”, lamenta Senait Gebregziabher, diretor da organização Oxfam, que presta auxílio na Somália.

O novo estudo aponta para um total de 260 mil mortes por fome.

TrackBack URI


Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: