I Encontro Regional da Madeira – Educação de Infância

Abril 5, 2013 às 8:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

encontro

Mais informações Aqui

Seminário Violência e Maus Tratos nas Crianças e Jovens: O Desafio da Proteção

Abril 5, 2013 às 2:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

seminario

Agradecemos o preenchimento e envio (eletrónicos) da ficha de inscrição até ao dia 12 abril para:

e-mail: relacoes.publicas@cm-amadora.pt

Para esclarecimentos adicionais, contactar CPCJ Amadora: 214 369 096 ou GIRP: 214 369 012

Inscrições limitadas

Filme “Colegas” A vida através do olhar de três jovens com síndrome de Down no Festin dia 6 de abril

Abril 5, 2013 às 1:59 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

colegas

Festin

Cinema S. Jorge

Colegas
(este filme também faz parte da Homenagem ao Festival de Gramado)
Brasil, 2012, 100 minutos, Ficção
Realização: Marcelo Galvão
Com
: Ariel Goldenberg, Rita Pokk, Breno Viola, Lima Duarte, Leonardo Miggiorin, Juliana Didone, Marco Luque, Germano Pereira.

Horário: 6 de abril | 21h30 | Sala Manoel de Oliveira

Sinopse: Colegas é uma divertida comédia que aborda de forma inocente e poética coisas simples da vida através do olhar de três jovens com síndrome de Down, apaixonados por cinema. Um dia, inspirados pelo filme Thelma & Louise, resolvem fugir no Karmann-Ghia do jardineiro (Lima Duarte) em busca de seus sonhos: Stalone quer ver o mar, Márcio quer voar e Aninha busca um marido para se casar. Partem do interior de São Paulo rumo a Buenos Aires. Nessa viagem, enquanto experimentam o sabor da liberdade, envolvem-se em inúmeras aventuras e confusões como se a vida não passasse de uma eterna brincadeira.

Site | Facebook |  Trailer

Comemoração dos 10 anos da CPCJ de Arouca

Abril 5, 2013 às 1:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: ,

arouca

A Comissão de Proteção e Crianças e Jovens de Arouca tem a honra de convidar sua excelência para a comemoração do 10º aniversário da sua atividade. O evento acontecerá no próximo dia 7 de Abril, no Terreiro de Santa Mafalda, a partir das 14 horas. As comemorações contarão com várias atividades destinadas à família e terão a presença de vários grupos onde as crianças e os jovens demonstram as suas artes. Além de uma tarde de diversão, queremos apresentar uma mostra de atividades onde as nossas crianças e jovens poderão estar integrados, tornando-se um fator de proteção face aos imensos riscos que aliciam estas idades.

CPCJ de Arouca

Rua D. João I Edifício Central de Camionagem

4540-202 BURGO  AROUCA

Telefone: 256 948 371/2 Fax: 256 948 373  E-Mail: cpcj@cm-arouca.pt

Crianças que veem muita TV podem tornar-se «bullies»

Abril 5, 2013 às 6:00 am | Publicado em A criança na comunicação social, Estudos sobre a Criança | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , , , , , ,

Notícia da TVI 24 de 26 de Março de 2013.

O estudo mencionado na notícia é o seguinte:

Do television and electronic games predict children’s psychosocial adjustment? Longitudinal research using the UK Millennium Cohort Study

Estudo realizado com britânicos nascidos depois de 2000, a partir dos cinco anos

Por: Redacção / CM

Um novo estudo britânico diz que crianças que assistem a mais de três horas diárias de televisão têm mais propensão a mentir, a enganar e um ligeiro risco acrescido de se tornarem bullies logo na escola primária.

Investigadores da Universidade de Glasgow, na Escócia, tiveram por base uma amostra de 11.000 crianças nascidas no Reino Unido a partir de 2000, avaliadas numa primeira fase aos cinco anos de idade e reavaliadas aos sete.

As informações sobre o tempo despendido a ver televisão ou em jogos de computador foram registadas pelas mães, que também tiveram de classificar a saúde mental e as competências sociais dos filhos numa escala de 0 a 10. Tanto aos cinco anos como aos sete.

O comportamento psicológico foi analisado em função das horas que passaram em frente ao ecrã e tiveram também em conta fatores sócio-económicos como «família funcional/disfuncional» e «caos em casa».

Embora numa percentagem pequena, de apenas 13 por cento, os resultados foram considerados significantes pela equipa de investigação, que registou comportamentos antissociais, como agredir, bullying, mentir, enganar e roubar aos sete anos, por crianças que assistiam a três horas ou mais de televisão por dia quando tinham cinco.

Dados semelhantes não foram, contudo, observados em relação aos jogos de computador.

Relativamente às crianças envolvidas, destaque para o facto de apenas 15 por cento da amostra ter passado mais de três horas a ver televisão, enquanto três por cento chegou a ultrapassar as sete horas. Pouco mais de dois por cento não viram televisão de todo.


Entries e comentários feeds.