Uma portuguesa na ONU contra a violência infantil

Dezembro 7, 2012 às 8:00 pm | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

Notícia do Público de 5 de Dezembro de 2012.

marta

Lusa

Organização das Nações Unidas prepara extensão de mandato de Marta Santos Pais como representante para a violência infantil.

A Assembleia Geral da ONU recomendou por unanimidade ao secretário-geral, Ban Ki-moon, a extensão até 2015 do mandato da portuguesa Marta Santos Pais como Representante Especial para a Violência Contra Crianças.

A recomendação consta de uma resolução sobre a protecção dos direitos das crianças aprovada por consenso pelo comité da Assembleia-Geral para Assuntos Sociais, Humanitários e Culturais, segundo informação divulgada nesta quarta-feira pelo gabinete de Santos Pais.

A representante de Ban Ki-moon reagiu à aprovação manifestando o seu “forte empenho para continuar com o trabalho de advocacia global no sentido de acabar com a invisibilidade e impunidade em torno de incidentes contra crianças em todas as regiões”.

Além de recomendar a extensão do mandato por três anos, a resolução defende que as actividades da representante sejam financiadas directamente pelo orçamento da ONU a partir de 2014-2015, para “um desempenho eficaz e sustentabilidade das actividades nucleares do mandato”. Até agora, as actividades da representante especial têm sido financiadas por países contribuidores, como Espanha, Itália ou Portugal.

A resolução teve mais de 90 patrocinadores, entre eles Angola, Brasil, Dinamarca, Finlândia, França Alemanha, Japão, Moçambique, Portugal, Suécia e Reino Unido.

Nomeada representante especial de Ban Ki-moon em Maio de 2009, Marta Santos Pais esteve ligada à UNICEF desde 1997, primeiro como directora de Avaliação, Políticas e Planeamento e mais tarde como directora do Centro de Investigação Innocenti.

Autora de diversas publicações sobre Direitos Humanos e da Criança, foi também membro da Convenção da ONU sobre os Direitos da Criança (1989) e participou na elaboração dos protocolos internacionais sobre o tema.

 

Anúncios

Concerto Comentado para Famílias Os Planetas De Gustav Holst – Orquestra Gulbenkian

Dezembro 7, 2012 às 5:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , ,

concerto

Na primeira metade dos anos de 1910, o compositor britânico Gustav Holst atravessou uma dura fase de desânimo. Após uma série de estreias sem grande êxito e de frustrações por prémios de composição que não conseguira vencer, recebeu em março de 1913 uma oferta anónima que lhe permitiu viajar até Espanha com o astrólogo Clifford Bax. Bax suscitou o seu interesse pela astrologia e, assim, contribuiu para o nascimento da obra mais popular de Holst – The Planets, composta por sete andamentos, batizados com os nomes dos planetas do sistema solar.
ORQUESTRA GULBENKIAN Maestro Rui Pinheiro Comentador Pedro Moreira
Gustav Holst The Planets, op. 32 (excertos)

«Holst conquistou um dos mais destacados lugares no meio musical inglês ao lado de figuras como Vaughan Williams, de quem era amigo e admirador. A sua obra evidencia vários traços estilísticos que remetem para o fascínio pela música tradicional, assim como pela geração de madrigalistas renascentistas ingleses, presente na sua extensa obra coral e canções. Por outro lado, o domínio da linguagem sinfónica é evidente em obras como Beni Mora, St. Paul’s Suite ou The Planets – uma das suas obras mais famosas, composta entre 1914 e 1916. Holst dedicou-se ainda a interessantes obras no âmbito da Música de Câmara, para piano, assim como Óperas e músicas para Ballet.»

Mais informações Aqui

Mais maus tratos e negligência detetados pelos hospitais

Dezembro 7, 2012 às 2:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , ,

Notícia do Diário de Notícias  de 6 de Dezembro de 2012.

por Agência Lusa

Maus tratos “hediondos” e casos graves de negligência chegam cada vez mais às unidades de saúde, alerta a coordenadora do núcleo de crianças e jovens em risco do Hospital D. Estefânia

Os maus tratos físicos e a negligência a crianças estão a aumentar com as dificuldades das famílias, que não conseguem assegurar necessidades básicas como alimentação, vestuário e uma casa digna, alerta uma dirigente da Sociedade Portuguesa de Pediatria.

Deolinda Barata é presidente da secção de pediatria social daquela Sociedade e coordena o núcleo de crianças e jovens em risco do Hospital D. Estefânia (Lisboa), onde tem assistido a situações que não surgiam na prática clínica “há 20 ou 30 anos”.

“Estamos a andar para trás na história dos maus tratos. E voltámos a ver maus tratos hediondos”, disse à agência Lusa, atribuindo esta situação, em parte, ao desespero das famílias que, quando excluídas, perdem as suas referência e veem-se “privadas de dar um colo aconchegante” aos filhos.

A pediatra não tem dúvidas de que “os maus tratos vão aumentar e de uma maneira brutal, indigna e dolorosa” para as crianças.

A negligência é uma destas formas de maus tratos que é cada vez mais frequente e “devastadora”.

“Não dar um vestuário, alimentação, casa e carinho pode não parecer tão penalizador como o mau trato físico”, afirmou, avisando, contudo, que se as feridas do corpo podem sarar, “as da alma” são mais inultrapassáveis.

Segundo Deolindo Barata, algumas famílias têm dificuldade em cumprir as necessidades básicas das crianças, como a alimentação, havendo cada vez mais casos de menores com sinais de uma nutrição inadequada e até bebés com meses a beber leite de vaca.

A par da negligência, começam a surgir nos serviços de saúde mais casos de maus tratos físicos, que os profissionais já não estavam habituados a ver e “com uma roupagem cada vez mais difícil de descodificar”.

Por isso, a responsável da Sociedade de Pediatria alerta os profissionais de saúde para estarem “muito mais atentos”, nomeadamente às justificações que as famílias apresentem perante eventuais casos de fraturas ou acidentes, que podem esconder maus tratos.

O abandono de bebés e crianças começa também a ser “uma chaga social”, a par dos casos de abuso sexual.

 

 

 

 

 

 

Exposição de Ilustração para a Infância na Casa Museu João de Deus – Silves

Dezembro 7, 2012 às 1:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , ,

ilustração

A Casa Museu João de Deus acolhe entre os dias 07 de dezembro e 28 de fevereiro uma exposição de Ilustração para a Infância, de Marta Jacinto. A ação integra-se nas comemorações do 15.º aniversário da Casa Museu.

Esta mostra, que pretende apresentar as novas ilustrações de Marta Jacinto, contará no seu dia de abertura com uma ação especial por parte dos alunos do 1.º ciclo do jardim-escola João de Deus, que irão colocar títulos e legendas em cada uma das ilustrações. Associado à exposição, e durante o período em que a mesma decorre, a Casa Museu irá, também, dinamizar diversos ateliês de ilustração dirigidos aos alunos do 1.º ciclo do ensino básico.

Licenciada em Arquitetura, Marta Jacinto é natural do Algarve, tendo, desde muito cedo, especial interesse pelas artes plásticas e, em especial, pelo desenho como forma de expressão favorita. Frequentou, durante o ensino secundário, o curso da dominante de artes, período em que descobriu e experimentou novas técnicas que viriam a influenciar o seu percurso artístico. Começou, desde então, a fazer as suas primeiras exposições, que atualmente se estendem um pouco por todo o país. Em 2008, iniciou-se na ilustração infantil, na Martolita Ilustra. Atualmente, e em paralelo com a sua atividade de arquiteta, desenvolve trabalho na área das artes plásticas, com destaque para a ilustração, sobretudo, em livros infantis. A Menina dos Pés Verdes, de Graça Magalhães; A abelha Zarelha, de Raquel Patriarca e O doutor Tiradores, de Suzana Ferreira, são algumas das obras que ilustrou.

A Casa Museu João de Deus funciona na Rua Dr. Francisco Neto Cabrita, n.º 1, em SB Messines, de 2.ª a 6.ª feira, das 10h00 às 13h00 e das 14h30 às 18h30. O telefone 282 330 189 e o endereço de correio eletrónico casamuseu.joaodeus@cm-silves.pt são os contactos da Casa Museu disponíveis para o esclarecimento e fornecimento de informação adicional sobre a exposição de Ilustração para a Infância.

Concerto Pais e Filhos / Domingos em Família no Cineteatro Municipal João Mota – Sesimbra

Dezembro 7, 2012 às 10:27 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

bota

9 DEZ | dom | 17h
DOMINGOS EM FAMÍLIA | MÚSICA
pela Academia de Música Bota Big Band

Nesta época Natalícia, altura que se celebra a família… Nada melhor que assistir a um verdadeiro encontro entre pais e filhos onde a música é um desafio de educação; aprendizagem e convívio. Com este concerto, pais e filhos têm a oportunidade de vivenciar momentos de beleza e de prazer que poderão ser positivamente marcados para a vida.

Crianças (até aos 12 anos): € 1,5
Acompanhantes: € 2,5

Cineteatro Municipal João Mota
Rua João da Luz, n.º 5, Sesimbra

Reservas e informações: 21 223 40 34 / cineteatro@cm-sesimbra.pt

Programa Especial de Natal na Biblioteca Municipal de Faro

Dezembro 7, 2012 às 6:00 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

natal2

Mais informações Aqui

Horário:
Segunda-feira e sábado – 14h00-19h30
Terça a sexta-feira – 09h30-19h30

Contatos:
Rua Carlos Porfírio, 8000-241 Faro
289 870 000
dba.dc@cm-faro.pt


Entries e comentários feeds.