Cresceu para mais do dobro o número de jovens internados em centros educativos

Junho 12, 2012 às 8:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social, Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

Notícia do Público de 4 de Junho de 2012.

Por Lusa

O número de jovens internados em centros educativos aumentou 51,4% nos últimos quatro anos, indicam dados da Direcção-Geral da Política de Justiça (DGPJ).

Segundo a DGPJ, os jovens internados em centros educativos passaram de 181 em 2008 para 274 em 2011, tendo o número de raparigas aumentado 60% e de rapazes 50,3%.

As estatísticas do Ministério da Justiça referem também que os jovens internados com menos de 16 anos diminuíram 15,3%entre 2008 e 2011. Esta redução é contrabalançada pelo aumento de cerca de 15,5% nos jovens entre os 16 e os 17 anos.

Mais presos

A DGPJ faz igualmente uma caracterização dos reclusos nos estabelecimentos prisionais, adiantando que o número de presos aumentou 17,3%, passando dos 10.807 em 2008 para 12.681 em 2011.

O maior aumento verificou-se nos reclusos do sexo masculino, que teve uma subida de 17,8%, enquanto as mulheres detidas aumentaram 9,9%.

As estatísticas indicam também que a maioria dos reclusos tem entre 25 e 39 anos, representando cerca de 50% do total da população prisional, apesar do número de presos entre os 40 e os 59 anos ter passado de 30,7 em 2008 para 32,8% em 2011.

Segundo a DGPJ, 77% dos reclusos tem o ensino básico.

Estas estatísticas da DGPJ pretendem retratar a evolução de alguns indicadores sobre reclusos nos estabelecimentos prisionais e sobre jovens internados em centro educativos, entre os anos de 2008 e 2011.

 

 

 

TrackBack URI


Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: