Parlamento dos Jovens – Temas em debate para o ano lectivo de 2011/2012

Novembro 4, 2011 às 9:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

Com o objectivo de continuar a promover a educação para a cidadania e o interesse dos jovens pelo debate de temas de actualidade, a Assembleia da República convida as Escolas a participarem no Programa Parlamento dos Jovens e apresenta os temas em debate para o ano lectivo de 2011/2012

  • para o ensino básico: Redes Sociais: Combate à Discriminação;
  • para o ensino secundário: Redes Sociais: Participação e Cidadania.

Mais informação em http://app.parlamento.pt/webjovem2012/index.html

Notícia do site da DREC de 20 de Outubro de 2011.

Conclusão do secundário em Portugal é das mais baixas de países ocidentais

Novembro 4, 2011 às 1:00 pm | Publicado em Estudos sobre a Criança | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

Notícia do portal Educare de 25 de Outubro de 2011.

O ensino técnico vocacional aumentou em Portugal na última década, enquanto caíram as matrículas no final do ensino secundário, em que o país tem das mais baixas taxas de conclusão entre países ocidentais, segundo a UNESCO.O estudo “Global Education Digest 2011“, hoje apresentado em Nova Iorque pela agência da ONU para a Educação, Ciência e Cultura, indica que em 2008 a taxa bruta de conclusão de ensino secundário em Portugal era de 67%, fazendo do país um de apenas dois entre o grupo da América do Norte e Europa Ocidental a registar uma taxa inferior a 70%.

A maioria destes finalistas “concluem programas que levam à educação terciária”, mas em países como a Bélgica, Dinamarca, Grécia, Irlanda, Luxemburgo, Noruega e Holanda, pelo menos um quarto dos alunos concluem programas “desenhados para prepará-los para o mercado de trabalho”, refere o relatório.

Entre os adultos, Portugal pertence aos países do grupo ocidental em que a educação secundária “não é comum”, a par de Chipre, Grécia, Irlanda ou Espanha.

“Muitos membros de gerações mais velhas só concluíram o 1.º ciclo na sua juventude, enquanto os grupos mais jovens têm maior probabilidade de continuar a sua educação para os níveis secundário e pós-secundário”, refere a UNESCO.

Os dados da organização colocam Portugal entre os países em que as matrículas nos últimos anos do ensino secundário diminuíram entre 1999 e 2009, enquanto a percentagem de matrículas em programas de educação técnica vocacional, para os mesmos níveis, subiram.

Do mesmo grupo fazem parte países como a Finlândia, Islândia, Holanda, Noruega e Espanha.

O relatório da UNESCO dá conta de uma expansão do ensino secundário a nível internacional desde 1999, de 72% para 80%, embora salienta que este está ainda “longe de ser universal” e é ainda muito baixo em países africanos ou sul-americanos.

A organização defende um reforço da participação nos últimos anos do ensino secundário e que estes tenham conteúdos “relevantes para as exigências do mercado de trabalho”, indo “ao encontro das necessidades sociais e económicas específicas de cada país”.

Esta aproximação deve ser feita tendo em conta “a localização de escolas, capacidade física de instalações, inserção de componentes nos currículos, necessidades locais do mercado de trabalho e a disponibilização de professores e materiais de instrução”, adianta.

Além disso, é preciso identificar melhor “as barreiras que impedem as crianças de entrar no ensino”, que estão em crescente desvantagem enquanto aumenta a percentagem de crianças e jovens que frequentam a escola.

O estudo da UNESCO aborda também métodos de ensino nos diferentes países, surgindo Portugal entre os que menos tempo de aulas dedicam à leitura e escrita – 11%, a par do Japão.

Para adolescentes entre os 12 e 14 anos, em 2009 a componente obrigatória que mais peso tinha no tempo de aulas era Línguas modernas estrangeiras, mais do que Matemática e Ciência.

A outra metade do currículo era dedicada a “outras componentes” obrigatórias.

Oficina de Formação – Intervenção em Multideficiência: Construção de Materiais e Ferramentas Pedagógicas

Novembro 4, 2011 às 6:00 am | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

Mais informações Aqui


Entries e comentários feeds.