Curso Violência Doméstica – Compreender, Proteger e Intervir

Outubro 7, 2011 às 9:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , ,

Datas

Faro: 29 de Outubro

Porto: 17 de Outubro

Lisboa: 7 de Novembro

Mais informações Aqui

IAC – Fórum Construir Juntos na Feira Solidária em Coimbra-Plataforma ODM na Cidade

Outubro 7, 2011 às 2:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , ,

O IAC – Fórum Construir Juntos vai participar numa Feira Solidária que irá decorrer em Coimbra, na Praça do Comércio no dia 8 de Outubro e que visa a divulgação do trabalho das diferentes Associações sem Fins Lucrativos de Coimbra.

Esta iniciativa integra-se no âmbito do projecto “ODM na Cidade” e é resultado de uma plataforma de instituições e parceiros, actualmente constituída por 36 entidades, cujo objectivo é sensibilizar para os problemas da pobreza à escala global. Neste contexto, a Plataforma ODM NA CIDADE tem como missão o desenvolvimento do projecto ODM Na Cidade – Coimbra Unida contra a Pobreza com o objectivo de informar e sensibilizar a sociedade civil sobre os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio, mais concretamente sobre o Objectivo nº 1: Redução da Pobreza e da Fome, em 50%, até 2015.

 A Coordenadora do IAC – Fórum construir Juntos, Paula Duarte, representará o IAC na Sessão Solene “Pela Integração Social”, integrada na Feira Solidária, que irá ter lugar pela 10h00 no Salão Nobre da Câmara Municipal de Coimbra.

Separar meninos e meninas faz crescer preconceitos e sexismo

Outubro 7, 2011 às 1:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

Notícia do Portal Mãe IOL de 28 de Setembro de 2011.

O estudo mencionado na notícia é o seguinte:

The Pseudoscience of Single-Sex Schooling

Pode ler a notícia mais completa do Telegraph

Sexismo e estereótipos de género são mais comuns em crianças que não convivem com o sexo oposto.

As crianças que frequentam escolas onde só há rapazes ou só há raparigas têm mais probabilidades de aceitar e veicular estereótipos de género. Ou seja, de virem a ser pessoas sexistas e preconceituosas relativamente ao sexo oposto. Este tipo de educação tem efeitos negativos pois legitima o sexismo institucional. É a conclusão de um estudo realizado por investigadores de seis universidades americanas que analisaram dados de vários estudos anteriores relativos a esta questão.
Segundo os autores do estudo, não há evidências de que meninos e meninas aprendam de forma diferente, nem que os seus resultados sejam melhores quando separados. Além disso, os rapazes quando separados das raparigas tornam-se mais agressivos e revelam mais problemas de comportamento.
A troca de argumentos entre os defensores do ensino separado e das escolas mistas promete, assim, continuar. Para os autores deste novo estudo, publicado no jornal científico Science não há evidências de que o ensino separado tenha vantagens. Os bons resultados académicos, apontados por muitos, provavelmente devem-se mais à selecção rigorosa de alunos que é feita neste tipo de escolas do que propriamente ao facto de não poderem conviver com crianças do sexo oposto. Os efeitos negativos, pelo contrário, tornam-se evidentes. Não permitir que rapazes e raparigas trabalhem e estudem em conjunto é reforçar e enraizar preconceitos.

Guia de Sexualidade para Jovens

Outubro 7, 2011 às 6:00 am | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

A Porto Editora acaba de lançar três obras essenciais e de grande valia para a compreensão da sexualidade por parte de jovens a partir dos dez anos! Trata-se dos livros: Guia da Sexualidade para raparigas; Guia da Sexualidade para rapazes e Guia da Sexualidade – 101 perguntas e respostas. Sendo a adolescência um período de grande importância, dado que é nesta fase que ocorrem as principais mudanças na vida de uma pessoa, as 3 obras serão importantes no esclarecimento de grandes dúvidas que usualmente surgem nesta etapa da vida. Rapazes e raparigas podem escolher o livro que melhor se adapta às respetivas inquietações e que melhor os auxilia na descoberta dos pequenos-grandes segredos que a sexualidade encerra. A coleção conta com a revisão científica da Associação para o Planeamento da Família.

 


Entries e comentários feeds.