Maus tratos na infância e relação com a memória, a afectidade negativa e positiva – Tese de Mestrado

Agosto 5, 2011 às 6:00 am | Publicado em CEDI | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , , ,

A Drª Palmira Carvalho, Coordenadora Pedagógica / Mediadora do Grupo de Trabalho da Actividade Formativa do Serviço de Formação do Instituto de Apoio à Criança, sediado no Centro de Estudos, Documentação e Informação sobre a Criança (CEDI – IAC), defendeu a tese de mestrado Maus tratos na infância e relação com a memória, a afectidade negativa e positiva no dia 6 de Dezembro de 2010, tendo-lhe sido atribuída a nota de 17 valores.

RESUMO: A presente investigação tem por objectivo estudar a relação entre os maus tratos na infância, a memória, e a afectividade negativa e positiva, em jovens residentes (N=55) em diversos LIJ e RA de duas Instituições da Grande Lisboa, comparando-os com um grupo de controlo (N= 39), de duas Escolas, uma Básica e outra Secundária, também da Grande Lisboa. Foram recolhidas respostas de 47 rapazes e 47 raparigas entre os 12 e os 16 anos, com uma média etária de 14.47 (DP= 1.37). As medidas utilizadas foram a Figura Complexa de Rey, para avaliação da Memória e o PANAS C, para a Afectividade Negativa e Positiva. A análise dos dados permitiu concluir que existem diferenças estatisticamente significativas entre os dois grupos para as dimensões em estudo, tendo piores resultados os jovens que sofreram maus tratos na infância o que corrobora a literatura sobre os danos causados por aqueles, a nível do sistema límbico, sede da afectividade e da memória.

Descarregar a tese de mestrado Aqui

TrackBack URI


Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: