Seminário “Encontro(s) e Desencontros da Deficiência Intelectual”

Setembro 9, 2010 às 9:00 pm | Publicado em Divulgação | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , , , , , ,

A CERCIOEIRAS vai organizar nos dias 7 e 8 de Outubro de 2010 o Seminário “Encontro(s) e Desencontros da Deficiência Intelectual” no Auditório Tagus Park (Porto Salvo).

Descobertas sobre o processo de vinculação

Setembro 9, 2010 às 1:00 pm | Publicado em A criança na comunicação social, Estudos sobre a Criança | Deixe um comentário
Etiquetas: , ,

Notícia da Pais & Filhos de 31 de Agosto de 2010.

Os laços que unem mães e filhos ao longo de toda a vida podem ter raízes no modo como os cérebros reagem quando vemos a face da nossa progenitora, defendem cientistas canadianos e britânicos.

Os pesquisadores das universidades de Toronto e Winchester realizaram estudos para tentar determinar de que forma acontece o processo de vinculação e através de ressonâncias magnéticas descobriram que ao observar imagens da mãe – misturadas com outras de desconhecidos, celebridades e membros da família próxima – o cérebro «acende» áreas-chave nos domínios do reconhecimento e emoção.
Em contrapartida, a visão da face do pai produz reacções cerebrais fortes na área dos afectos mas está longe de implicar respostas tão fortes como no caso da mãe.

Os resultados sugerem, de acordo com um artigo publicado na revista científica Brain and Cognition, que as mães gravam uma resposta emocional e cognitiva duradoura na mente dos filhos, como resultado das experiências de vinculação ao longo da primeira infância.
Os cientistas acreditam ter avançado no conhecimento do processo de impressão (ou imprinting) nos seres humanos. Este fenómeno é mais conhecidos noutras espécies, como por exemplo os patos, e constitui a criação de laços fortíssimos com a primeira criatura que as crias vêem após o nascimento.

Os bebés humanos não possuem essa capacidade imediata, mas os especialistas canadianos afirmam que a qualidade da ligação precoce estabelecida entre mãe e filho tem implicações cruciais durante toda a infância e também na idade adulta. «A activação cerebral em resposta ao rosto da mãe acontece mesmo entre pessoas que vivem afastadas dela durante largos períodos de tempo, mesmo anos, o que sugere que estamos perante efeitos muitíssimo alargados», afirma Marie Arsalidou.

Ver o Abstract do Artigo original Aqui

5a Conferência Mundial sobre Violência na Escola : Chamada para resumos de comunicações

Setembro 9, 2010 às 6:00 am | Publicado em Divulgação, Estudos sobre a Criança | Deixe um comentário
Etiquetas: , , , , ,

“A primeira Conferência Mundial sobre a Violência na Escola realizou-se em 2001 em Paris.
O sucesso consubstanciado na presença nessa conferência de investigadores de 27
países, abriu caminho às subsequentes conferências realizadas no Québec (2003),
Bordéus (2005) e Lisboa (2008), que reuniram participantes provenientes de todos os
continentes.
Assim, o nosso Comité Científico Internacional tem o prazer de convidar à apresentação de
propostas de resumos de comunicações para a 5a Conferência Mundial que se realizará nos
dias 7, 8 e 9 de Abril de 2011, no Centro de Congressos e Exposições « Gobernador Emilio
Civit », em Mendoza (Argentina).http://www.congresos.mendoza.gov.ar/ccye/homem.php
Estas conferências internacionais são o resultado duma rede de investigadores que cobre
áreas tão diversas como a psicologia, sociologia, psicopedagogia, ciências da educação,
criminologia, saúde, etc. O facto desta 5a Conferência Mundial se realizar, ilustra também o
sucesso desta rede internacional! Estes encontros tornaram-se no mais importante ponto de
reunião de todos os que se interessam pelo fenómeno da violência na escola. As
conferências têm por fim atingir a excelência científica que é conseguida através dum
rigoroso processo de selecção de comunicações (por exemplo, na última conferência, só
foram seleccionadas 150 das 400 comunicações recebidas).
A violência na escola é um problema global que necessita de estudos nacionais e
internacionais, que possibilitem compreender as suas formas, causas e consequências,
mas também permitir implementar estratégias de prevenção e intervenção eficazes.
A sua contribuição permitirá aprofundar o conhecimento existente neste âmbito e
desenvolver formas de actuação destinadas a combater a violência na escola.”

Mais informações em baixo:

Portuguese

http://filex.u-bordeaux2.fr/get?k=dO9tiy3NGCHG2TDq9vr

Spanish

http://filex.u-bordeaux2.fr/get?k=wlJpI3LEWrGHoBm51IZ

French

http://filex.u-bordeaux2.fr/get?k=RCo9ooZIaQ3NK1DWUQ9

English

http://filex.u-bordeaux2.fr/get?k=A65ev4YqvXrpGVUCjzb


Observatoire International de la violence scolaire
Université de Bordeaux2
3 ter, place de la Victoire
33076 Bordeaux Cédex – France
Tél/Fax : +33 (0) 5 57 57 19 58


Entries e comentários feeds.